PUBLICIDADE

Novo material pode "sugar" carbono da atmosfera mais rápido que as árvores

Descoberta faz parte de um estudo conduzido por cientistas do Reino Unido, que usaram modelos computacionais para desenvolver este material

3 mai 2024 - 12h29
Compartilhar
Exibir comentários
Resumo
Os cientistas descobriram uma possível ferramenta para auxiliar no combate às alterações climáticas: um material poroso capaz de armazenar dióxido de carbono e hexafluoreto de enxofre para capturar os gases de efeito estufa do meio ambiente de modo eficiente.
Material desenvolvido em laboratório pode ser mais eficiente do que as árvores na captação de carbono
Material desenvolvido em laboratório pode ser mais eficiente do que as árvores na captação de carbono
Foto: Imagem de Milt Ritter por Pixabay / Flipar

Cientistas descobriram uma possível ferramenta poderosa para auxiliar no combate às alterações climáticas: um material poroso capaz de armazenar grandes quantidades de gases com efeito de estufa

A descoberta faz parte de um estudo conduzido por cientistas do Reino Unido, que usaram modelos computacionais para desenvolver este material.

“Esta é uma descoberta emocionante porque precisamos de novos materiais porosos para ajudar a resolver os maiores desafios da sociedade”, disse o professor de engenharia Marc Little, da Universidade Heriot-Watt de Edimburgo, em comunicado sobre a pesquisa.

A descoberta promissora foi publicada na revista Nature Synthesis, em um artigo que afirma as características da estrutura deste material poderiam ser um excelente armazenamento para dióxido de carbono e hexafluoreto de enxofre, outro poderoso gás de efeito estufa.

Afinal, que material é este?

O material desenvolvido pelos cientistas funciona como uma gaiola composta por moléculas menores, é uma supermolécula orgânica feita de oxigênio, nitrogênio e flúor.

“Plantar árvores é uma forma muito eficaz de absorver carbono, mas é muito lenta. Portanto, precisamos de uma intervenção humana - como as moléculas feitas pelo homem - para capturar os gases de efeito estufa do meio ambiente de forma eficiente e mais rápida", disse Little em comunicado.

Fonte: Redação Byte
Compartilhar
TAGS
Publicidade
Seu Terra












Publicidade