PUBLICIDADE

iPhone Slim? Apple prepara smartphone superfino para ser lançado em 2025

Companhia planeja iniciar uma nova linha de produtos mais finos após novo iPad Pro, revelado em maio

18 jun 2024 - 08h40
(atualizado às 11h50)
Compartilhar
Exibir comentários

A Apple está estudando lançar um novo iPhone superfino em 2025, de acordo com informações publicadas pela agência de notícias Bloomberg no último domingo, 16, e antecipadas pelo site especializado The Information. Batizado de iPhone Slim, o modelo deve ser uma edição especial a ser vendida já em 2025, no que deve ser a família do iPhone 17.

Em maio passado, foi revelado um novo iPad Pro, turbinado com o novo chip M4 (ainda inédito nos computadores Mac) e considerado o dispositivo mais fino desenvolvido pela fabricante americana: são 5,3 milímetros de espessura no tablet de tela de 11 polegadas e com 5,1 milímetros na versão de 13 polegadas. O peso pode variar entre 444 gramas e 582 gramas, a depender do modelo.

Nesse sentido, o iPhone Slim deve ser o segundo dispositivo dessa nova categoria de "superfinos" da Apple. Segundo a Bloomberg, computadores MacBook e relógios Apple Watch com esse design também devem ser lançados nos próximos anos. Não há informações sobre como devem ser as dimensões desses produtos.

iPhone 14 é exibido no Centro de Visitantes do Apple Park, sede da Apple em Cupertino, na Califórnia, nos Estados Unidos
iPhone 14 é exibido no Centro de Visitantes do Apple Park, sede da Apple em Cupertino, na Califórnia, nos Estados Unidos
Foto: Guilherme Guerra/Estadão / Estadão

A escolha vai na contramão da estratégia da Apple nos últimos anos. Desde o iPhone X (2017), a fabricante americana vem lançando smartphones com espessura maior, conseguindo acomodar câmeras mais potentes, mais sensores e baterias maiores. Quanto mais fino o aparelho, menores devem ser os componentes que o integram.

Esse novo modelo, no entanto, deve ser uma edição especial na família de celulares da Apple. O site The Information aponta que o iPhone Slim seria até mais caro que o iPhone 17 Pro Max, adotando uma tela de 6,55 polegadas, novas câmeras e uma Ilha Dinâmica (entalhe no topo da tela) menor.

Apesar de mais finos, esses novos dispositivos devem acomodar os recursos mais recentes de inteligência artificial (IA) revelados pela Apple na semana passada durante a conferência Worldwide Developers Conference (WWDC). Funcionalidades como nova Siri, criação de ilustrações e textos, resumo de notificações e busca na Web estão restritas, até o momento, ao iPhone 15 Pro e iPhone 15 Pro Max, lançados em 2023. Espera-se que, nos próximos anos, mais aparelhos da marca possam receber as novidades de IA desenvolvidas pela companhia.

Estadão
Compartilhar
TAGS
Publicidade
Seu Terra












Publicidade