Monte seu e-commerce e divulgue sua marca no Terra

Baldwin diz que não apertou gatilho da arma que matou colega

Em entrevista após fatalidade, ator não soube dizer como o projétil foi parar no set

2 dez 2021 08h00
| atualizado às 14h25
Compartilhar
Ator Alec Baldwin em Nova York REUTERS/Carlo Allegri
Foto: Reuters

O ator norte-americano Alec Baldwin afirmou que não puxou o gatilho da arma que levou à morte acidental da diretora de fotografia Halyna Hutchins no set do filme Rust.

Baldwin fez o comentário em uma entrevista à emissora ABC News, a primeira concedida pelo ator após a tragédia. A reportagem completa será transmitida nesta quinta-feira (2).

Publicidade

"O gatilho não foi puxado. Eu nunca apontaria a arma para uma pessoa e puxaria o gatilho, nunca", disse o ator de 63 anos.

Em outro trecho da entrevista divulgado pela emissora, Baldwin comentou que não sabe como o projétil foi parar no set de filmagem. Ele ainda citou que "alguém colocou uma bala de verdade na arma".

O incidente nas gravações de "Rust" aconteceu no dia 21 de outubro, no Novo México. Na ocasião, Baldwin disparou acidentalmente uma arma que estava carregada com munição real durante um ensaio.

Além de ter custado a vida de Hutchins, o incidente feriu o cineasta do longa-metragem Joel Souza, de 48 anos. Ele chegou a ser hospitalizado, mas já recebeu alta médica.

Publicidade

Podcast 'Depois dos Créditos' relembra tragédias em sets de filmagem:

  
Está gostando da notícia? Fique por dentro das principais notícias
Ativar notificações