Tire a ideia do papel e crie hoje o site para o seu negócio com até 35% de desconto

Chelsea confirma favoritismo e goleia lanterna Norwich por 7 a 0 com hat-trick de Mason Mount

Com o triunfo, os Blues se mantém na liderança do Campeonato Inglês com 22 pontos e não podem ser ultrapassados até o fim da rodada

23 out 2021 12h08
| atualizado às 12h08
Compartilhar

Líder do Campeonato Inglês, o Chelsea entrou em campo neste sábado, no Stamford Bridge, para enfrentar o lanterna Norwich, portanto uma vitória já era esperada. No fim das contas, o time comandado por Thomas Tuchel foi um pouco além e massacrou o adversário com uma goleada por 7 a 0, o resultado mais elástico da história em um jogo envolvendo as duas equipes.

O triunfo expressivo na partida válida pela nona rodada da liga nacional mantém o Chelsea tranquilo na liderança, com 22 pontos, sem nenhuma ameaçada de perder a posição até o fim desta rodada. Já o Nowrwich continua sem nenhuma vitória no campeonato, ocupando a lanterna, com apenas dois pontos somados.

Publicidade

O Chelsea foi a campo sem Lukaku e Kanté, ambos lesionados, mas não sentiu falta das estrelas, principalmente porque Mason Mount estava inspirado. Foi ele quem tirou o zero do placar, com apenas sete minutos de bola rolando, após receber de Jorginho e chutar cruzado da entrada da área.

O segundo gol saiu aos 17, dos pés de Hudson-Odoi, depois de lançamento de Kovacic. Diante de um adversário sem forças, o time londrino teve um primeiro muito tranquilo, sem sofrer grandes sustos, e conseguiu ampliar nos minutos finais antes do intervalo, quando James deu uma cavadinha para superar o goleiro Krull.

Mesmo com a larga vantagem construída durante a etapa inicial, o Chelsea foi intenso no início do segundo tempo e começou a construir o massacre. Aos 11 minutos, Chilweel fez o quarto gol em um chute rasteiro, cinco minutos antes de Aarons, do Norwich, mandar a bola para a própria rede.

Depois do gol contra, o Norwich ainda teve Gibson expulso em razão de um carrinho em James. A partir daí, foi questão de tempo para o Chelsea marcar mais gols. Destaque da partida, Mount chegou a desperdiçar um pênalti, defendido por Krull, aos 37 minutos, mas o árbitro considerou que o goleiro se adiantou e mandou voltar. Na segunda tentativa, Mount fez. Aos 45, o jovem de 22 anos apareceu de novo para se consagrar com um hat-trick, aproveitando passe de Loftus-Cheek.

Publicidade
Fique por dentro das principais notícias de Futebol
Ativar notificações