Monte seu e-commerce e divulgue sua marca no Terra

Flamengo antecipa fim de ano e estuda reformulação no elenco e substituto de Renato Gaúcho

Diretoria abre a semana para discutir mudanças no departamento de futebol e definir fim de ciclo do treinador rubro-negro; eleição para presidente ocorre dia 4, com Rodolfo Landim tentando a reeleição

29 nov 2021 10h11
| atualizado às 15h49
Compartilhar

A semana vai começar agitada no Ninho do Urubu com questões importantes a serem definidas pela diretoria do Flamengo. A principal delas atende pela escolha do novo treinador. Nesta segunda-feira, o clube anunciou a saída em "comum acordo" de Renato Gaúcho. O treinador tinha contrato até o fim do ano e deixa o comando da equipe rubro-negra antes mesmo dos quatro jogos que o clube tem a cumprir no Campeonato Brasileiro. Maurício Souza assume de forma interina.

Eliminado nas semifinais da Copa do Brasil com derrota por 3 a 0 no Maracanã para o Athlético-PR, vice da Libertadores e com o Brasileirão praticamente definido em favor do Atlético-MG, a passagem do técnico rubro-negro chegaria ao fim de forma melancólica. Na temporada, o Flamengo ganhou o Cariocão e a Supercopa do Brasil, mesmo assim sob o comando de Rogério Ceni.

Publicidade

Marcos Braz, homem forte da direção e que responde pelo futebol, espera equacionar logo essa questão para centrar o foco já em 2022. A diretoria analisa quem seria o melhor nome para dirigir o time até o fim do Nacional. Com a intenção de tentar amenizar o clima de decepção no clube, Braz deu declarações burocráticas após a derrota na Libertadores, evitando cravar a saída do técnico. "Já tem treino marcado e programação feita. Não foi o resultado que esperávamos, mas a vida segue. O que é certo é que o Renato tem contrato até 31 de dezembro", afirmou.

A vitória do Atlético-MG sobre o Fluminense neste domingo tornou a missão do Flamengo de tentar buscar o título que resta na temporada ainda mais difícil. O time mineiro chegou aos 78 pontos e tem 11 de frente para os cariocas. A equipe da Gávea volta a campo nesta terça-feira, quando recebe o Ceará. Uma vitória seria importante para não piorar ainda mais o clima de tensão entre time e torcida. Se não ganhar, o Atlético fica com a taça.

Elenco avaliado

Além da saída do treinador, outros atletas que não corresponderam durante a temporada deverão ter a sua permanência analisada. Os zagueiros Léo Pereira, Bruno Viana e Gustavo Henrique tiveram um ano muito irregular e podem ser usados como moeda de troca. O atacante Kenedy, que chegou a entrar na decisão contra o Palmeiras, no Uruguai, é outro que tem poucas chances de seguir no clube.

Entre os jogadores com mais rodagem, Diego Ribas é o que está mais em baixa. Apesar da liderança junto ao elenco, o atleta caiu muito de produção. Correntes no clube defendem a saída do jogador enquanto outra ala é a favor de que seja feita uma transição do veterano para a comissão técnica.

Publicidade

Éverton Ribeiro é um dos medalhões que pode deixar o Flamengo também. Apesar de estar sendo convocado com frequência para a seleção brasileira, o camisa 7 não foi tão decisivo como em outras vezes nas partidas do segundo semestre. Por fim, a cúpula do clube deve se reunir neste mês de dezembro para escolher o nome do novo treinador. Jorge Jesus segue como sonho antigo, mas um nome que vem ganhando força é o do argentino Marcelo Galhardo, que repensa sua carreira no River Plate. Em meio ao clima tenso e aos jogos restantes do Nacional, o Flamengo vai ter a missão de começar a pavimentar o planejamento do ano que vem.

Show Player
Fique por dentro das principais notícias de Futebol
Ativar notificações