Monte seu e-commerce e divulgue sua marca no Terra

Integrantes do MBL processam Juliette e viram piada nas redes sociais

Rubinho Nunes e Guto Zacarias alegam que a cantora fez campanha antecipada para o pré-candidato à Presidência Lula

5 jul 2022 - 18h09
(atualizado às 18h24)
Compartilhar
Integrantes do MBL processam Juliette
Integrantes do MBL processam Juliette
Foto: Reprodução/Instagram/@juliette

O vereador por São Paulo Rubinho Nunes (União), pré-candidato a deputado federal, e Guto Zacarias (União), pré-candidato a deputado estadual em São Paulo, protocolaram uma representação contra a cantora Juliette no Ministério Público Eleitoral (MPE) por fazer campanha eleitoral antecipada para o pré-candidato à Presidência Luiz Inácio Lula da Silva (PT)

Os dois políticos, que também são integrantes do Movimento Brasil Livre (MBL), alegam que a cantora transformou sua apresentação em Caruaru (PE) em um "showmício pró-Lula".

Publicidade

Em seu show, Juliette vibrou ao ouvir o público gritar "Olé, olê, olá, Lula" e, depois, exaltou seu estado natal. "É Pernambuco, respeita", disse.

Na ação, segundo o jornal O Globo, os políticos pedem a condenação de Juliette e de Lula, bem como o pagamento de multa pelos dois. 

A ex-BBB se manifestou sobre a ação dos intergrantes do MBL em seu Twitter. "A estratégia é tão óbvia. Só não enxerga quem não quer. Próxima pautaaa... vamos falar de coisa boa?!", disse.

Piadas da ação

No Twitter, os fãs estão apoiando a cantora e fazendo piadas da representação com a hashtag "processei a Juliette", que está nos trending topics da plataforma. De forma irônica, eles estão escrevendo motivos que os fariam processá-la também. Veja alguns:

Publicidade

 

 

 

 

Publicidade

O Terra busca contato com os envolvidos, mas não obteve retorno. O espaço segue aberto para  a manifestação.

Fonte: Redação Terra
Fique por dentro das principais notícias de Entretenimento
Ativar notificações