PUBLICIDADE

Bogotá

Museu de Bogotá exibe Harley-Davidson de Pablo Escobar

ver comentários
Publicidade
A moto que pertenceu ao lendário chefe do cartel de Mellín é a principal atração do Museu Histórico da Polícia Nacional, que fica no coração da capital colombiana
A moto que pertenceu ao lendário chefe do cartel de Mellín é a principal atração do Museu Histórico da Polícia Nacional, que fica no coração da capital colombiana
Foto: Jeremycg/Creative Commons

O Museu Histórico da Polícia Nacional, em Bogotá, exibe um dos maiores troféus conquistados pelo governo colombiano na sua luta histórica contra o crime organizado: uma moto Harley-Davidson modelo 1990, de 1100 cilindradas, que pertenceu a Pablo Escobar, o lendário chefe do Cartel de Medellín. Depois de contrabandear a máquina, o mafioso a deu de presente a seu primo, Juan Enrique Urquijo Gaviria, que acabou preso em uma discoteca de Medelín e teve seu valioso regalo apreendido. Hoje, a moto está em exibição em um pátio no sótão do museu que conta a história da polícia colombiana.

A Harley-Davidson de Escobar, no entanto, está longe de ser a única atração da instituição, que ocupa quatro andares de um prédio em estilo neoclássico no coração de Bogotá. Construído na década de 1920, o próprio imóvel já vale a visita, pois, além de ser considerado um monumento nacional, conta com um terraço que oferece uma bela vista panorâmica do bairro de La Candelaria – o centro histórico da capital colombiana.

O acervo do museu reúne mais de mil objetos espalhados por 26 salas, cada uma dedicada a um aspecto da história da polícia colombiana. Localizada no segundo andar, a sala brigadeiro general Jaime Ramírez Gómez reúne o material relacionado à luta contra o narcotráfico no país, onde a caçada a Pablo Escobar, no início da década de 1990, ocupa lugar de destaque. Na sala há um boneco do mafioso morto e outra relíquia do criminoso: uma pequena pistola cor de prata que ele sempre levava presa ao tornozelo.

Bogotá, gastronomia de primeira na capital Colombiana:

Além da parte dedicada à história do combate ao crime organizado, o museu conta ainda com outros espaços e coleções interessantes e curiosas. A sala coronel Francisco Ospina Cubillos, no terceiro andar, reúne um acervo de 400 armas, que vão desde artefatos pré-históricos até pistolas e metralhadoras contemporâneas.  No mesmo andar, a sala brigadeiro Cesar Augusto Cuellar Velandia apresenta uma coleção de miniaturas vestidas com os uniformes das polícias de vários países do mundo. E a sala major Amadeo Rodríguez Zapata, no primeiro andar, reúne diversas peças arqueológicas para mostrar como a autoridade era exercida e reconhecida pelos povos pré-colombianos que habitaram o país.

Serviço

Museu Histórico da Polícia Nacional
Carrera 9, número 9, La Candelaria, Bogotá
Tel. +57 1 233 5911

Fonte: PrimaPagina
Fonte: Terra
Publicidade
Publicidade