PUBLICIDADE

Hotéis oferecem entradas secretas para celebridades e políticos

O site Condé Nast Traveler selecionou cinco hotéis que hospedam famosos sem chamar a atenção de curiosos

ver comentários
Publicidade
Foto: Divulgação

Ao receber uma autoridade mundial ou uma grande celebridade, hotéis de luxo precisam saber como lidar com a entrada e a saída desses hóspedes “especiais” sem chamar a atenção dos curiosos. Confira a lista feita pelo site Condé Nast Traveler com hotéis com entradas secretas.

The Fairmont, São Francisco, Estados Unidos
A famosa Penthouse Suite do hotel The Fairmont de São Francisco recebeu todos os presidentes americanos desde que sua criação em 1926. Situada no oitavo andar do hotel, a suíte tem duas passagens secretas. Uma é escondida na biblioteca do segundo andar, leva a todos os outros cômodos, e a outra é uma entrada escondida usada pelos agentes para monitorar a segurança.

Waldorf Astoria, Nova York, Estados Unidos
Mítico hotel de Nova York, o Waldorf Astoria usou por muitos anos uma extensão do metrô da cidade para receber seus hóspedes mais ilustres. Um vagão exclusivo levava os visitantes até uma entrada subterrânea, onde um elevador tinha acesso até a sua suíte. Atualmente, o sistema encontra-se desativado.

The Peninsula, Beverly Hills, Estados Unidos
Acostumado com celebridades de Hollywood, o hotel Peninsula, em Beverly Hills, sabe receber hóspedes famosos. As vilas do Peninsula oferecem entradas discretas e escondidas para entrar ou sair do hotel sem o incomodo dos paparazzis.

The Gansevoort, Miami, Estados Unidos
A maioria dos turistas que visita South Beach está em busca de muita diversão. É por isso que o hotel Gansevoort construiu uma entrada secreta que conecta o lobby com sua exclusiva balada LOUIS, garantindo a entrada aos hóspedes.

The Greenbrier, White Sulphur Springs, Estados Unidos
Luxuoso hotel nas montanhas da Virgínia Ocidental, o The Greenbrier esconde em seu subsolo um incrível pedaço da história dos Estados Unidos. Construído durante a Guerra Fria, o bunker do The Greenbier tem 53 salões e acesso feito por meio de quatro entradas secretas espalhadas pelo hotel. O objetivo da construção do bunker, que pode ser visitado pelos hóspedes e recebe hoje conferências e diferentes eventos, era de proteger todos os membros do congresso  americano em caso de ataque. 

<a data-cke-saved-href="http://turismo.terra.com.br/infograficos/resorts-do-brasil/iframe.htm" href="http://turismo.terra.com.br/infograficos/resorts-do-brasil/iframe.htm">veja o infográfico</a>
Fonte: Andrés Bruzzone Comunicação Andrés Bruzzone Comunicação
Publicidade
Publicidade