0

Em Pernambuco, conheça ilha paradisíaca onde só se chega de barco

Trinta quilômetros ao norte de Recife, Igarassu é uma cidade famosa por seu centro histórico - nela está a igreja dedicada aos santos Cosme e Damião, construída em 1535 e uma das mais antigas do Brasil. Mesmo se não tivesse esse atrativo, suas belas praias seriam motivos suficientes para visitar a cidade.

» Veja fotos de Ilhota

Em Igarassu areias claras e muito verde compõem paisagem desfrutada por banhistas
Em Igarassu areias claras e muito verde compõem paisagem desfrutada por banhistas
Foto: Divulgação

» vc repórter: mande fotos e notícias
» Chat: tecle sobre o assunto

Um dos destaques desse litoral é a ilhota Coroa do Avião, localizada na boca do canal de Santa Cruz, por onde o oceano Atlântico entra no continente e encontra o rio Timbó. Próxima à fronteira de Igarassu com Itamaracá, ela oferece vista para a praia do Forte Orange, uma das atrações do município vizinho. Vista de cima, a ilha parece uma pequena faixa de terra, mas possui cerca de 20 mil metros quadrados. O solo é plano e a paisagem verde, composta de vegetação rasteira e coqueiros. Nas faces sul e norte da ilhota, quiosques e bares atendem os visitantes.

Para chegar até Coroa do Avião, deve-se procurar o serviço de transporte aquático, disponível em três locais: no cais do distrito de Nova Cruz (em Igarassu), na praia do Forte Orange (em Itamaracá) e no cais de Maria Farinha (município de Paulista). Por incrível que pareça, é possível também chegar caminhando - na maré baixa, o mar recua mil metros na praia da Gavôa, ligando a ilhota ao continente.

Se o mar não permitir a travessia, tudo bem: rasa e com ondas pequenas, a praia da Gavôa também é um ótimo local para relaxar. Ela possui um quilômetro de extensão e areia levemente ondulada. Ao sul de Gavôa, a praia do Capitão, com 1.500 metros, é outro destino tranquilo. Suas águas também não são fundas, e a pouca ondulação facilita o banho.



Fonte: Especial para Terra
publicidade