PUBLICIDADE

Tendinite tem cura? Saiba onde ela se manifesta e os tratamentos para aliviar as dores

A inflamação nos tendões causa dores e inchaço nas articulações

12 jun 2021 09h02
ver comentários
Publicidade
Em alguns pacientes é necessário realizar o procedimento cirúrgico para os sintomas não serem tão graves
Em alguns pacientes é necessário realizar o procedimento cirúrgico para os sintomas não serem tão graves
Foto: Shutterstock / Saúde em Dia

Um dos problemas causados por esforço repetitivo é a tendinite, inflamação que ocorre nos tendões. Ela pode causar dores e inchaço na articulação, se manifestar nos tendões dos joelhos, ombros, cotovelos, pés, tornozelos ou mãos.

O tendão é a estrutura do corpo que faz a ligação do músculo ao osso. É por meio dele que passa a carga e a tensão para que a contração muscular promova o movimento. Quando o tendão inflama temos a tendinite.

Os primeiros sintomas da tendinite são as dores e incapacidade de realizar alguns movimentos simples como caminhar, subir e descer escadas. As pessoas que fazem esforço repetitivo, sedentários, tabagistas, ou com maus hábitos alimentares estão mais propensa a desenvolverem o problema.

Segundo o Dr. Daniel Ramallo, ortopedista do Hospital São Lucas Copacabana, para obter um diagnóstico clínico é realizada a ultrassonografia ou ressonância magnética complementar. "A partir disso é analisado o caso e o tratamento geralmente é individualizado. Em alguns casos prescrevemos anti-inflamatórios não esteroidais, além da terapia física para reabilitação do paciente", explica o médico.

Em alguns pacientes é necessário realizar o procedimento cirúrgico para os sintomas se tornarem mais brandos e diminuir a chance de ruptura do tendão. Há também o tratamento conservador, ou seja, sem cirurgia, e nesse é aplicado ondas de choque, a ingestão de analgésicos, repouso moderado e fisioterapia. Em mais de 90% dos casos o resultado é satisfatório e quanto mais dedicação o paciente tiver, melhor será o tratamento .  

Existem maneiras da tendinite não surgir?

Evitar má postura, se alongar corretamente, fazer ergonomia no ambiente de trabalho, manter boa rotina alimentar e praticar exercícios físicos são essenciais para evitar a evolução da inflamação nos tendões. Além de visitar o ortopedista sempre que tiver alguma queixa é importante.  

Sobrepeso ou obesidade contribuem para o aparecimento da tendinite?

O excesso de peso do organismo provoca uma sobrecarga, que afeta diretamente os tendões, considerados não tão fortes ou maleáveis quanto ossos e músculos.

A prevenção é sempre o melhor remédio, e para isso aconteça o ideal é manter uma dieta balanceada com muitas frutas, legumes, verduras, carnes e leguminosas. Assim como nos casos de não sobrepeso ou obesidade, também é recomendado a prática de atividades físicas, beber bastante água e o acompanhamento de médicos especialistas.

Vale ressaltar que a prática de atividade física em excesso é outra causa frequente da tendinite. Logo, tudo que é demais não faz bem e, nesse caso, ocorre por conta da sobrecarga em um tendão em particular, seja ela por movimentos repetitivos ou excesso de peso. Por isso é recomendado que toda prática de exercícios físicos seja feita regularmente.

Saúde em Dia
Publicidade
Publicidade