3 eventos ao vivo

Plus size: especialista dá 6 dicas para usar maiôs e biquínis

26 jan 2021
11h52
atualizado às 15h46
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Foi-se o tempo que o "corpo de verão", tão propagado pelas revistas e publicações femininas, era aquele malhado, seco e magro. Dani Rudz, especialista no segmento plus size, incluindo trabalho de aceleração de empresas de moda do setor, conversou com o "Elas no Tapete Vermelho", sobre moda praia e é categórica: "O corpo do verão é o seu."

Dani Rudz
Dani Rudz
Foto: Mayla Otha/ Reprodução/Instagram/@danirudz / Elas no Tapete Vermelho

Mas para as mulheres plus size, alguns detalhes podem fazer toda a diferença na hora de escolher o biquíni e o maiô que mais sustente os seios e valorizem as curvas. Aliás, detalhes que as marcas de moda praia em geral deveriam incluir em seus produtos. "Ainda não chegamos ao momento ideal, mas a boa notícia é que estamos progredindo", afirma Dani Rudz, que  em agosto participou de live no perfil do Instagram do "Elas" em que contou como o preconceito que sentia por ser gorda e negra a levou a trabalhar do segmento. E também falou sobre sua própria experiência com roupa de praia.

Dani Rudz
Dani Rudz
Foto: Mayla Otha/ Reprodução/Instagram/@danirudz / Elas no Tapete Vermelho

"Quando saí do emprego, estava fragilizada, tinha acabado de me separar. Um dia, estava na praia e meu filho pediu para entrar no mar com ele. Era sempre meu ex-marido que fazia isso. Estava de maiô, mas de shorts e camiseta por cima. Ia de shorts mesmo, mas sempre achei muito depressivo ver pessoas de shorts e camiseta dentro do mar. No momento em que eu fiquei de pé, tinha aquele segundo para decidir como encarar isso. Fiquei só de maiô e fui chorando. Quando tirei a roupa de cima, esperava ouvir gritos ou alguém tirar o sarro. Quando fui caminhando até o mar, tive a sensação que todo mundo estava olhando para minha parte traseira, mas não ouvi nada. E nada aconteceu. Resolvi não mais me martirizar. Fiz terapia e entendi melhor sobre gordofobia e todo esse processo. Foi minha libertação."

Hoje, Dani até posta fotos em sua conta do Instagram com maiôs e biquínis e faz campanha para marcas plus size, como para a Cachopa Brasil, com fotos clicadas por  Mayla Otha. Confira algumas dicas exclusivas que Dani dividiu com o "Elas no Tapete Vermelho", lembrando que ela aprendeu muito com sua experiência pessoal.

Alças largas

"Entre as dicas para a escolha de um maiô plus size, a primeira consideração é optar por alças largas. Elas vão garantir sustentação e conforto durante o uso, principalmente para quem tem seios grandes".

Maiô retrô

"O maiô retrô também é uma ótima opção, e quando combinado com a ousadia da frente única são ousados na medida e imensamente confortáveis. Caso você queira trazer volume aos seios, aposte em peças com bojo que estruturam e modelam."

Transparências

"Detalhes como transparências e faixas transpassadas são detalhes que acinturam e valorizam a peça".

Biquíni cropped

"Para escolher o biquíni, se você ainda se sente insegura para esse momento, indico o biquíni com busto cropped que são maiores e calcinhas hot pants com cintura alta. Acredito que vão te deixar mais segura para arriscar".

Hot pants

"Quanto às alças dos bustos em geral, para os tops dos biquínis, quanto mais largas, mais conforto e sustentação. Você pode optar pela alça que o tamanho de seu busto permitir, eu tenho seios grandes e prefiro as alças mais largas. No caso do cortininha, quando uso, escolho as alças mais grossas e duplas que super seguram. E opto pela amarração cruzada nas costas sempre e não no pescoço, ela distribui o peso sem incomodar", afirma Dani Rudz.

Neon e tie-dye

"Para as cores, o neon e o tie dye estão super em alta", completa Dani Rudz.

Veja a live entre Dani Rudz e Rosângela Espinossi abaixo.

Veja também:

Top brasileira revela bastidores de gravação em teatro vazio
Elas no Tapete Vermelho
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade