PUBLICIDADE

6 motivos para comer feijão todos os dias

Nutricionista aponta os benefícios oferecidos pelo grão em suas variadas versões

6 jun 2024 - 16h12
(atualizado em 7/6/2024 às 01h04)
Compartilhar
Exibir comentários

Não há como negar que arroz com feijão é uma combinaçãoé a base da alimentação dos brasileiros. E não é à toa: além de ser delicioso, esse grão do grupo de leguminosas ainda oferecer diversos benefícios à saúde.

Nutricionista lista benefícios do feijão na rotina alimentar
Nutricionista lista benefícios do feijão na rotina alimentar
Foto: Freepik/Divulgação / Boa Forma

Prova recente disso foi um estudo realizado pelo Programa de Pós-graduação em Saúde Pública da Faculdade de Medicina da UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais), que constatou que as pessoas que consomem feijão de forma regular, de cinco a sete vezes por semana, têm chance 14% menor de desenvolverem sobrepeso e 15% menor de serem obesas. Mas a lista de benefícios não para por aí!

De acordo com a nutricionista Aline Maldonado F. de Alcântara, o feijão é rico em proteínas vegetais, vitaminas e minerais, como o ferro, contribuindo diretamente para a saúde digestiva, no controle do colesterol e glicemia e na promoção da saciedade.

"Com tantos alimentos light, diet e ultraprocessados, há quem acredite que consumir uma refeição já pronta, dentro desses parâmetros industrializados, pode ser mais leve e engordar menos que um prato de arroz e feijão - e é aí que mora o perigo", ela aponta.

" Fast foods e ultraprocessados são ricos em sódio e gorduras nada saudáveis, mesmo com um rótulo do bem. Esses alimentos podem aumentar a produção de substâncias inflamatórias no nosso organismo e consequentemente o aumento do peso corporal", alerta.

Assim, pensando em estimular uma dieta saudável, a profissional listou alguns motivos para quem não tem o hábito de colocar o feijão no prato com tanta frequência passar a consumi-lo mais vezes.

6 motivos para comer feijão

Fonte de proteínas vegetais

Seja ele branco, vermelho, preto ou carioca, o feijão é uma grande fonte de proteína vegetal, um macronutriente indispensável, principalmente em dietas veganas ou vegetarianas. O consumo regular de proteínas está diretamente ligado à manutenção de funções importantes no organismo, como a construção de tecidos corporais (pele, cabelos, unhas, músculos, ossos e dentes) e a regulação de hormônios e enzimas. Elas também participam do sistema imunológico, atuam no sistema nervoso, transportam oxigênio e outros nutrientes.

Melhora da saúde digestiva

Com uma quantidade significativa de fibras alimentares, o feijão contribui para a melhora e manutenção da saúde digestiva. A ingestão diária e adequada de fibras ajuda a prevenir a constipação, promove a regularidade intestinal e alimenta as bactérias benéficas do intestino. O feijão carioca, por exemplo, é uma boa fonte de cobre e molibdênio, mineral responsável pelo metabolismo saudável, e fitonutrientes, que ajudam a prevenir alguns tipos de câncer, como o de estômago.

Controle do colesterol e da glicemia

As fibras presentes no feijão também desempenham um papel importante no controle dos níveis de colesterol e glicose no sangue. Consumir o feijão regularmente pode ajudar a reduzir o colesterol LDL (o "mau" colesterol) e melhorar a sensibilidade à insulina, ajudando a prevenir picos de açúcar no sangue. O feijão preto, por exemplo, além de ser a variedade mais rica em ferro, possui grandes concentrações de magnésio e ácido fólico, além de pequenas quantidades de ômega 3 ― substância que eleva o bom colesterol (HDL) e protege o coração.

Saciedade e controle de peso

O consumo regular de feijão é fundamental aos que seguem uma dieta equilibrada e saudável, seja para a manutenção ou perda de peso corporal. Em função de seu teor de fibras e proteínas, o alimento proporciona uma sensação de saciedade duradoura, reduzindo a fome e a vontade de ingerir alimentos pouco saudáveis, como os ricos em açúcar. Como exemplo, o feijão branco passou a ser utilizado em dietas para emagrecimento, pois é rico em faseolamina, nutriente que dificulta a absorção do carboidrato transformado em açúcar, que seria absorvido e estocado em forma de gordura. Para essa finalidade, o ideal é que seja consumido em forma de farinha de feijão.

Fonte de vitaminas e minerais

O feijão é uma excelente fonte de diversos nutrientes essenciais, incluindo ferro, magnésio, potássio, folato e várias vitaminas do complexo B. Esses nutrientes desempenham papéis importantes em várias funções corporais, como a produção de energia, a saúde dos ossos e a função imunológica. Nesse sentido, o feijão vermelho apresenta ainda a vitamina K entre suas propriedades, essencial para proteção do sistema nervoso contra os danos dos radicais livres. Seu consumo também está atrelado à redução da enxaqueca e dos cálculos renais.

Preparos versáteis

Bastante versátil, o feijão pode ser utilizado em uma infinidade de pratos e combinações, desde sopas e saladas até cozidos e hambúrgueres vegetarianos. Além de todos os benefícios nutricionais de sua composição, sua capacidade de harmonizar com outros ingredientes torna o feijão um alimento valioso em toda e qualquer dieta.

Boa Forma
Compartilhar
Publicidade
Publicidade