0

Como comer saladas? 5 dicas para incluir legumes nas refeições

Siga esses passos para se acostumar com o sabor e garantir uma vida mais saudável!

22 jan 2021
16h06
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator
Como comer saladas? 5 dicas para incluir legumes nas refeições
Como comer saladas? 5 dicas para incluir legumes nas refeições
Foto: Shutterstock / Alto Astral

Quem não conhece uma pessoa que tenha dificuldade em comer legumes e verduras? Normalmente, são os nossos filhos, marido/esposa ou até nós mesmas. Apesar disso, não há dúvidas de que esses alimentos são essenciais no cardápio do dia a dia - tanto para a longevidade quanto para o emagrecimento. Pensando nisso, a nutricionista Nathy Loyola, selecionou cinco dicas simples de como comer salada e acostumar o paladar com o sabor desses ingredientes. Confira!

Especialista reúne dicas práticas de como comer saladas

Foto: Shutterstock / Alto Astral

Faça escolhas certeiras

A primeira dica é começar a introdução de saladas no cardápio por legumes mais suaves, que possuem menos sabor. Bons exemplos são alface, tomate, repolho e cenoura. Caso não goste de comer in natura, vale misturar no arroz ou com carne - o que irá te ajudar a se adaptar!

Corte pedaços pequenos

Pode parecer uma medida simples, mas picar os vegetais em pedaços pequenos faz toda a diferença. Isso porque, em porções reduzidas, ficará mais fácil se acostumar com o sabor.

Aposte em molhos

Às vezes precisamos treinar o paladar, por isso, vale incluir molhos de sua preferência nos legumes e verduras. O ideal é alternar entre um dia com molho e outro sem. Nessa hora, vale seguir receitas em casa ou comprar molhos prontos - porém dando prioridade a ingredientes menos calóricos.

Use a criatividade

Para garantir mais sabor e variedade ao comer salada, prepare os legumes e verduras de formas diferentes. Gratinado, refogado, assado… Isso vai treinando seu paladar a consumir esses alimentos e assim você perceberá que eles não são tão "ruins" quanto parecem.

Conheça as leveduras nutricionais

Com textura semelhante ao queijo ralado, essa levedura é considerada um superalimento por seu alto valor nutricional. Sem ingredientes de origem animal, sem glúten, rica em proteínas, fibras, minerais como ferro, zinco, magnésio, cromo, fósforo e cobre. Para completar, é rica em vitaminas, especialmente as do complexo B e ajudam a dar um "gostinho" extra à sua salada.

Dica extra: receita de molho para saladas

Ingredientes:

  • 1 colher (sopa) de iogurte
  • 1 pedaço pequeno de ricota
  • 1 colher (sopa) de azeite
  • 1 pitada de sal

Modo de preparo:

Misture todos os ingredientes e espalhe sobre a salada de sua preferência. Sirva em seguida.

Colaboração: Nathy Loyola, nutricionista | Edição: Milena Garcia

Veja também:

Você acha que conhece as pessoas — mas não conhece!
Alto Astral
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade