PUBLICIDADE

Belly mask: saiba mais sobre as máscaras utilizadas na barriga das grávidas

Veja como esse novo skincare tomou conta do ventre das influencers gringas

13 jul 2021 15h02
ver comentários
Publicidade
Entenda mais sobre as belly mask!
Entenda mais sobre as belly mask!
Foto: Reprodução / Instagram @hatchgal / Alto Astral

Com a variedade de produtos para a pele crescendo, o mercado está se expandindo cada vez mais e se adaptando de acordo com a demanda por cosméticos ligados ao famoso skincare. A última da vez são as máscaras para a barriga. É isso mesmo, as sheet masks - máscaras de papéis descartáveis - conquistaram o rosto das apaixonadas por cuidados com a derma, e, de quebra, o ventre das grávidas!

Quem desenvolveu a chamada belly mask foi a marca norte-americana Hatch, especializada em cosméticos para grávidas. Inclusive, a atriz Jenna Dewan (40), no último semestre da gestação do seu filho, não resistiu e aderiu ao método, compartilhando o momento em seu Instagram.

Reprodução / Instagram @jennadewan
Reprodução / Instagram @jennadewan
Foto: Alto Astral

Porém, se você acha que pode usar apenas durante a gravidez, está enganada! É possível, sim, aproveitar seus benefícios hidratantes, que, segundo a marca, auxiliam na prevenção e suavização de estrias no pós-parto para minimizar as cicatrizes causadas pela cesárea.

No site, a empresa explica também que a máscara ajuda a reduzir inchaços e estrias, visto que os principais ingredientes são aloe vera (a famosa babosa) e própolis, ambos auxiliam na vermelhidão e na hidratação da pele.

A bioquímica e cosmetologista Heloisa Olivan assina embaixo em relação aos benefícios que o produto oferece. "Além de possuir em sua composição ingredientes hidratantes e regeneradores da pele, a aplicação diretamente na derma faz um processo de oclusão, com o objetivo de diminuir a perda de água e aumentar ainda mais a hidratação da pele", explica.

E lembre-se: uma pele mais hidratada é também uma pele mais elástica e menos suscetível às marcas geradas pelo estiramento durante e após o parto. 

De acordo com Olivan, os ingredientes que compõem a máscara são seguros e não costumam apresentar reações para as futuras mamães. No entanto, a sensibilidade cutânea difere de pessoa para pessoa. "Recomendo fazer um pequeno teste de contato antes de aplicar para assegurar que não existe incompatibilidade com os componentes da formulação", sugere a profissional.

A máscara não chegou no Brasil, e agora?

O cosmético ainda não chegou ao Brasil, mas com toda a repercussão pelos internautas, deve chegar em território nacional muito em breve. Porém, enquanto não chega, a especialista explica como evitar estrias na gravidez. "Optar por óleo de maracujá, amêndoas doces, gergelim, jojoba, gérmen de trigo, semente de uva, castanha do Pará, rosa-mosqueta e macadâmia são algumas das opções que a gestante pode escolher", diz.

A cosmetóloga ainda clarifica que ingredientes naturais são as melhores opções para cuidar da pele em casa e manter as estrias longe do barrigão. Além de muito eficientes, o custo dos óleos vegetais é acessível e dificilmente geram reações de hipersensibilidade. Porém, vale consultar o seu médico antes de passar algum desses ingredientes na pele.

Por fim, Olivan também explica que banhos muito quentes são vilões da hidratação da pele. "Outra dica é utilizar roupas de algodão, pois o tecido sintético pode provocar dermatite em algumas pacientes e favorecer o aparecimento das estrias", esclarece.

Fonte: Heloisa Olivan, bioquímica e cosmetologista do Instituto Olivan.

Alto Astral
Publicidade
Publicidade