1 evento ao vivo

SUV 4x2: Jeep Renegade Limited 1.8 AT

Esta é a configuração topo de linha do Renegade com motor flex e tração dianteira

6 nov 2019
16h29
  • separator
  • 0
  • comentários

Bem equipada, essa versão se destaca pela boa oferta de equipamentos de série e pelos itens de conforto e de segurança. O desempenho e o consumo são os principais pontos críticos do Renegade 1.8 Flex. Para a linha 2020, as principais novidades são as novas lanternas de LED, de série em todas as versões (exceto na Sport flex), e a opção de revestimento interno de couro marrom por R$ 1.200.

Jeep Renegade Limited 1.8 AT6 2020.
Jeep Renegade Limited 1.8 AT6 2020.
Foto: Divulgação

Desde a linha 2019, as versões do Renegade com motor 1.8 Flex passaram a contar com um novo para-choque, cujo ângulo de ataque aumentou de 21° para 28°. Além disso, as sete fendas da grade dianteira ficaram com formato mais largo e retangular. Todas as versões ganharam rodas de liga leve com novos desenhos e refletores laterais na cor cristal (antes eram amarelados). No Renegade Limited, as rodas são aro 19, com duas opções de tom, dependendo da cor da carroceria.

A partir da versão Longitude, o Renegade oferece central multimídia Uconnect de 8,4’’ (a mesma do Jeep Compass) com conectividade Android Auto/Apple CarPlay, permitindo acessar aplicativos como Waze, Google Maps, Deezer e Spotify.

A capacidade do porta-malas do Renegade, que já tinha sido aumentada de 260 litros para 273 litros no final de 2016, subiu para 320 litros na linha 2019. Esse acréscimo de 47 litros está relacionado à adoção de um estepe de perfil menor, que é temporário e pode rodar a uma velocidade limitada a 80 km/h. A versão Trailhawk (topo de linha) é a única que ainda comporta 260 litros no bagageiro.

A maçaneta de abertura da tampa do porta-malas ficou mais ergonômica, com visual destacado e prático (já conhecido no Jeep Compass). O console central teve modificações visando melhorar a praticidade, com mais espaço para porta-objetos, reposicionamento dos comandos do ar-condicionado e uma pequena cavidade para guardar um smartphone.

Lanternas de LED: novidade da linha 2020.
Lanternas de LED: novidade da linha 2020.
Foto: Divulgação

O Jeep Renegade é o único SUV da categoria a não derivar de carro de passeio. Além disso conta com controles de estabilidade e de tração, suspensão independente nas quatro rodas e freio de estacionamento eletrônico em todas as versões.

A central multimídia Uconnect de 8,4” permite acessar o ar-condicionado por toques no monitor ou por comandos de voz. O tempo de resfriamento da cabine ficou 20% mais rápido desde a linha 2019. A segunda entrada USB, disponível para os ocupantes do banco traseiro, melhora a comodidade no ambiente interno.

As mudanças na área frontal, apesar de discretas, deixaram o Renegade mais parecido com o Jeep Wrangler. O acabamento do interior da cabine é muito bom, considerando o segmento de SUVs compactos. Há revestimento emborrachado em vários componentes do painel.

O sistema start-stop (desliga/liga o motor automaticamente em paradas de trânsito) de série em todas versões ajuda no consumo de combustível.

O conjunto de suspensões proporciona baixo nível de vibração para o interior da cabine e permite boa relação entre conforto e estabilidade.

O que pode melhorar

  • O motor continua sendo o grande problema das versões 1.8. Como o carro é pesado, a dirigibilidade na cidade não é das melhores, com desempenho insatisfatório, principalmente nas subidas. Uma melhora na relação peso/torque deixaria o carro mais ágil no dia a dia.
  • Como consequência da relação entre motor e câmbio ineficiente, o Renegade flex tem alto consumo de combustível. 

Os números

  • Ano: 2020
  • Preço: R$ 109.990
  • Motor: 1.8 flex
  • Potência máxima: 139 cv (e)
  • Torque máximo: 188 Nm (e)
  • Câmbio: 6 marchas AT
  • Comprimento: 4,232 m 
  • Largura: 1,805 m 
  • Altura:  1,686 m
  • Entre-eixos: 2,570 m
  • Peso: 1.527 kg
  • Pneus: 235/40 R19
  • Porta-malas: 320 litros
  • Tanque: 60 litros
  • 0-100 km/h: 11s8
  • Vel. máxima: 178 km/h
  • Consumo cidade: 9,4 km/l (g)
  • Consumo estrada: 11,0 km/l (g)
  • Emissão de CO2: 129 g/km
Guia do Carro
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade