PUBLICIDADE

Fiat Argo e Cronos ficam com zero estrela no LatinNCAP

A dupla de compactos da Fiat, Argo e Cronos, decepcionou mais uma vez no teste de impacto com dois airbags e tiram nota zero

3 dez 2021 12h04
ver comentários
Publicidade

O Latin NCAP - órgão independente que testa a segurança dos carros na América Latina - deu zero estrela para os modelos Fiat Argo e Cronos. O teste de dezembro de 2021 repete o péssimo resultado obtido pela dupla Argo/Cronos em julho de 2019, agora sob novo protocolo. Nas duas ocasiões, os carros da Fiat foram testados com apenas dois airbags.

Fiat Cronos no teste de impacto frontal
Fiat Cronos no teste de impacto frontal
Foto: Latin NCAP / Divulgação

O Argo é produzido no Brasil e o Cronos é produzido na Argentina. Nenhuma das cinco versões do Argo 2022 e das três versões do Cronos 2022 oferece airbags laterais, nem mesmo como opcional. Consultamos a Fiat para comentar o resultado e obtivemos a seguinte resposta: "A Stellantis informa que todos os seus veículos cumprem as recomendações e normas homologatórias vigentes ligadas à segurança." Segundo especialistas ouvidos pelo Guia do Carro, um bom automóvel em termos de segurança deve ter pelo menos três estrelas com dois airbags.

Veja abaixo o relatório do Latin NCAP
O Fiat Argo/Cronos, produzido na Argentina e no Brasil, com dois airbags frontais e sem ESC padrão, ganhou zero estrela no mais recente protocolo do Latin NCAP. O modelo popular atingiu 24,37% em Proteção de Ocupantes Adultos, 9,91% em Proteção de Ocupantes Crianças, 36,91% em Proteção de Pedestres e Usuários Vulneráveis das Estradas e 6,98% em Sistemas de Assistência à Segurança.

O Argo/Cronos foi avaliado em impacto frontal, impacto lateral, chicotada cervical (whiplash) e proteção de pedestres. O modelo mostrou proteção no impacto frontal de média a baixa e proteção no impacto lateral pobre para o ocupante adulto, ganhando zero estrela neste teste. A falta de airbags de proteção lateral e proteção lateral de cabeça como equipamento padrão e a baixa pontuação de chicote cervical limitaram o resultado na proteção do ocupante adulto.

Fiat Argo no teste de impacto lateral
Fiat Argo no teste de impacto lateral
Foto: Latin NCAP / Divulgação

 A pontuação de proteção do ocupante infantil foi baixa principalmente por causa da sinalização do veículo que não atende aos requisitos do Latin NCAP. À medida que o fabricante do veículo melhorar a sinalização, é provável que o resultado melhore para a proteção dos ocupantes infantis. A proteção de pedestres apresentou o pior desempenho desde que o Latin NCAP começou a avaliar a proteção de pedestres em 2020, o veículo tem proteção passiva pobre e não oferece AEB Pedestres para compensar, mitigar ou eventualmente prevenir o contato com pedestres. 

Do Sistema de Assistência à Segurança, o Argo/Cronos só conseguiu pontos para o Sistema de Aviso do Cinto de Segurança (SBR) para o motorista, uma vez que o veículo não oferece ESC padrão, ou outras tecnologias como Detecção de Ponto Cego, AEB, Sistema de Suporte de Pistas (LSS). No entanto, a Fiat anunciou que irá melhorar este veículo em breve e solicitará que seja reavaliado para demonstrar as melhorias.

Guia do Carro
Publicidade
Publicidade