0

Com futuro incerto, Chevrolet Cruze chega à linha 2021

Chevrolet Cruze sedan e hatch ganham algumas mudanças visuais na linha 2021, que conta com o retorno da versão LTZ; conheça as novidades

21 jan 2021
15h12
atualizado às 16h07
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator
O para-choque com entradas de ar maiores que já era utilizado no modelo Sport6 é a principal novidade da linha 2021 do Cruze.
O para-choque com entradas de ar maiores que já era utilizado no modelo Sport6 é a principal novidade da linha 2021 do Cruze.
Foto: GM / Divulgação

A Chevrolet começa o ano com novidades na sua linha Cruze. A primeira delas é o retorno da versão LTZ, que trouxe mudanças visuais para a versão sedã. Posicionada entre as opções LT e a topo de linha Premier, a maior novidade da versão LTZ é um novo para-choque com entradas de ar maiores e linhas mais esportivas, que já era utilizado na versão hatch do modelo. Outra mudança são as rodas aro 17 com pintura escurecida.

As mudanças chegam num momento de incerteza sobre o futuro dos dois carros, pois não há previsão de uma nova geração. Isso se deve ao fato de a Argentina ser o único país que ainda fabrica os modelos, que são vendidos localmente e no Brasil. Em janeiro, o Cruze sedã emplacou apenas 198 carros (menos da metade das vendas do Chevrolet Spin). Já o Cruze hatch vendeu ainda menos, com 71 emplacamentos, o que o coloca atrás de um modelo caríssimo, o BMW X5, que emplacou 74 unidades.  

Ainda sem preços revelados, a linha 2021 do Cruze teve a saída da versão Premier 1, que foi substituída justamente pela versão LTZ. A nova versão conta com seis airbags, controles de tração e estabilidade, lanternas de LED, ar-condicionado automático, câmera de ré e sistema MyLink de 8’’ com Wi-Fi nativo. Em relação ao motor e câmbio, nada muda, permanecendo o 1.4 turbo de 153 cv e 240 Nm de torque e o câmbio automático de 6 marchas que já é utilizado nas demais versões do modelo hatch e sedã.

O Cruze Sport6 por sua vez, recebeu na versão Premier um para-choque com linhas mais conservadoras, já utilizado na versão sedã do modelo.
O Cruze Sport6 por sua vez, recebeu na versão Premier um para-choque com linhas mais conservadoras, já utilizado na versão sedã do modelo.
Foto: GM / Divulgação

Acompanhando as mudanças do sedã, o hatch Sport6 -- único representante não-premium do segmento de hatches médios -- ganhou mudanças na versão Premier. A versão topo de linha do modelo fez o caminho inverso, e ganhou o para-choque com linhas mais conservadoras da carroceria sedã. Vale ainda lembrar que o Sport6 é o único da linha Cruze a oferecer a opção de teto solar na versão Premier.

“Decidimos juntar as tecnologias mais valorizadas pelos clientes do sedã com o visual mais dinâmico até então exclusivo do modelo Sport6”, explicou Rodrigo Fioco, diretor de Marketing de Produto da GM América do Sul. Ele manteve o discurso otimista em relação ao Cruze. “As mudanças têm como intuito gerar maior diferenciação entre as três versões do Cruze, reforçando a identidade de cada uma delas para atender as preferências dos diferentes perfis de consumidores.”

A versão LTZ conta com o sistema multimídia MyLink de 8’’ com Wi-Fi nativo, compatível com Android Auto e Apple CarPlay.
A versão LTZ conta com o sistema multimídia MyLink de 8’’ com Wi-Fi nativo, compatível com Android Auto e Apple CarPlay.
Foto: GM / Divulgação

Produzidos na Argentina, o Cruze e do Cruze Sport6 2021 chegam à rede de concessionárias Chevrolet a partir de meados de fevereiro em sete opções de cores: Cinza Satin Steel, Branco Abalone, Vermelho Edible Berries, Preto Ouro Negro, Branco Summit, Azul Eclipse e Prata Switchblade.

 

Veja também:

Novo Nissan Kicks 2022 dá um salto de qualidade
Guia do Carro
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade