PUBLICIDADE

Citroën e Peugeot lançam furgão elétrico por R$ 330 mil

Novos Peugeot e-Expert e Citroën Ë-Jumpy estreiam em versão única com alcance elétrico de 330 km e capacidade de carga para até 1 tonelada

29 nov 2021 12h42
ver comentários
Publicidade
Peugeot e-Expert
Peugeot e-Expert
Foto: Stellantis/Divulgação

As francesas Peugeot e Citroën querem crescer no Brasil. A dupla de montadoras anunciou nesta segunda-feira (29) a estreia dos furgões elétricos Peugeot e-Expert e Citroën Ë-Jumpy. Baseados nas versões a combustão dos modelos já vendidos no Brasil, a dupla elétrica chega ao país com alcance de até 330 km. Com o valor sugerido de R$ 329.990, os novos Peugeot e-Expert e Citroën Ë-Jumpy serão oferecidos em versões únicas e podem ser conduzidos por pessoas habilitadas com CNH categoria B. 

No caso da Peugeot, o e-Expert é o segundo carro elétrico da marca no Brasil, e faz parte do movimento global da Peugeot, o ‘Move to Electric’. Além dele, a montadora também oferece no país o hatch e-208 GT, e pretende oferecer ao menos uma versão eletrificada de cada modelo até 2025. No Brasil, a Peugeot quer ser líder de vendas no segmento de carros elétricos.

Citroën Ë-Jumpy
Citroën Ë-Jumpy
Foto: Stellantis/Divulgação

Já no caso da Citroën, o Ë-Jumpy é o primeiro elétrico oferecido no mercado brasileiro, e faz parte da estratégia Citroën 4All, que também inclui o lançamento de veículos de passeio, dentre eles o novo hatch Citroën C3, que promete ser o carro chefe da montadora francesa no Brasil pelos próximos anos. A Citroën quer conquistar pelo menos 4% do mercado brasileiro.

Por fora, o visual dos novos Peugeot e-Expert e Citroën Ë-Jumpy é basicamente o mesmo das versões a combustão. As únicas mudanças são a presença da entrada do carregador no para-lama dianteiro e os logotipos traseiros alusivos à versão. No entanto, enquanto os modelos convencionais chegam ao Brasil importados do Uruguai, as versões elétricas são produzidas em Valenciennes, na França. Há duas opções de cores para a carroceria: Branco Banquise (sólida) e Cinza Artense (metálica).

Desenvolvidos na plataforma modular EMP2, os dois furgões elétricos chegam ao Brasil em versões únicas. Ambos são equipados com conjunto de baterias de íons de lítio de 75 kWh e OBC de 11kW trifásico, que garantem um alcance elétrico de até 330 km com uma carga completa, de acordo com o Inmetro. Já a performance do furgão é garantida por um motor elétrico, que oferece 136 cv de potência e 260 Nm de torque. A velocidade máxima é de 130 km/h.

Por dentro, o destaque fica para o novo painel de instrumentos, que traz uma tela central de 3,5’’ que exibe diversas informações sobre o veículo, dentre elas o modo de condução, marcha selecionada, nível de carga da bateria e consumo de energia. Ambos os furgões também trazem no console central o e-Toggle, um seletor de marchas com as funções Park (estacionamento), Rear (marcha a ré), Neutral (neutro) e Drive (condução). 

Há ainda o botão B-Mode, que ativa a função de frenagem regenerativa para preservar ou carregar parcialmente as baterias, além de diminuir o desgaste das pastilhas de freio. Como opcional, os novos Peugeot e-Expert e Citroën Ë-Jumpy também podem ser equipados com uma central multimídia de 7” com suporte aos recursos Android Auto e Apple CarPlay, que ainda dispõe de câmera de ré com visão 180° e vista superior do veículo (Visio Park).

Peugeot e-Expert
Peugeot e-Expert
Foto: Stellantis/Divulgação

Dentre os equipamentos de série, os furgões elétricos incluem os itens que equipam as versões a combustão e acrescentam sistema de monitoramento de pressão dos pneus – TPMS, acendimento automático dos faróis, freio de estacionamento elétrico, sensor de chuva, sensor de estacionamento traseiro e um cabo Modo 2, para carga de emergência. A cabine conta com capacidade para até 3 passageiros e a capacidade de carga é de 1 tonelada.

O tempo de recarga dos furgões elétricos depende da estação de carregamento. De acordo com a Stellantis, ele pode variar de 45 minutos em estações de carregamento rápido de 100 kW, para 80% da bateria, a 7h30 em rede trifásica de 11 kW. O grupo ainda destaca que a rede de concessionárias das montadoras francesas passa por reestruturações para oferecer serviços de pós-venda, assistência e comercialização de veículos elétricos. A garantia total para ambos os modelos é de 3 anos ou 100.000 km e de 8 anos ou 160.000 km para as baterias.

 

Guia do Carro
Publicidade
Publicidade