0

Siri, assistente da Apple, agora dá orientações sobre coronavírus

Questionário pode ajudar o usuário sobre sintomas e o que fazer se estiver com suspeita de Covid-19

23 mar 2020
12h32
  • separator
  • 0
  • comentários

A Apple decidiu atualizar a Siri, assistente de voz de seus dispositivos, para ajudar usuários que possam estar em dúvida se possuem ou não a Covid-19 nos Estados Unidos. O serviço está disponível desde o último sábado, 23, e faz parte de medidas de prevenção contra o coronavírus.

As respostas foram desenvolvidas com o departamento de saúde dos EUA e podem ser acessadas pelo comando "Siri, do I have the coronavirus?" (Em tradução literal: Siri, eu tenho coronavírus?). A partir da pergunta, um questionário sobre sintomas como se o usuário está com febre, tosse ou dificuldade para respirar é disponibilizado.

Nos EUA, Siri dará orientações sobre o coronavírus 
Nos EUA, Siri dará orientações sobre o coronavírus
Foto: Apple/Divulgação / Estadão

Se as respostas apontarem para um resultado negativo da doença, a assistente de voz orienta a pessoa a ficar em casa. Caso os sintomas estejam mais severos, a Siri recomenda ligar para o serviço de emergência.

A função só está disponível nos Estados Unidos por enquanto e não se sabe quando ou se a atualização chegará em outros países.

Veja também:

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade