2 eventos ao vivo

Zuckerberg vê futuro da internet centrado na privacidade

CEO do Facebook afirmou que acredita que ferramentas seguras serão mais populares que plataformas abertas

6 mar 2019
17h41
atualizado às 17h48
  • separator
  • comentários

O presidente-executivo do Facebook, Mark Zuckerberg, disse nesta quarta-feira acreditar que mensagens privadas seguras se tornarão mais populares do que plataformas abertas, no mais recente sinal de que uma das empresas que popularizou as redes sociais vê seu futuro em conversas online mais protegidas.

O Facebook já é um dos maiores players globais em mensagens privadas com seu Messenger e WhatsApp, mas enfrenta desafios porque as conversas criptografadas limitam a capacidade da empresa para enviar anúncios direcionados.

Mark Zuckerberg, presidente-executivo do Facebook
24/05/2018
REUTERS/Charles Platiau
Mark Zuckerberg, presidente-executivo do Facebook 24/05/2018 REUTERS/Charles Platiau
Foto: Charles Platiau / Reuters

A empresa tem enfrentado críticas sobre sua capacidade de proteger a privacidade dos usuários em audiências no Congresso dos EUA e em outros lugares.

"Quando penso no futuro da internet, acredito que uma plataforma de comunicação focada na privacidade se tornará ainda mais importante do que as plataformas abertas de hoje", escreveu Zuckerberg em sua página no Facebook.

Zuckerberg disse que o Facebook se concentrará mais na privacidade de usuários conforme a rede de mídia social muda seus produtos de mensagens para criptografia de ponta a ponta, impedindo que qualquer pessoa de fora, incluindo o Facebook, de monitorar as conversas.

Veja também:

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade