3 eventos ao vivo

Facebook lança prêmio de US$ 10 milhões para líderes de grupos na rede social

9 fev 2018
13h34
  • separator
  • comentários

O Facebook está no meio de uma polêmica depois que anunciou que iria reduzir os posts de veículos de mídia e páginas nos feeds dos usuários. A rede vai privilegiar as publicações de amigos a partir de agora.

Facebook
Facebook
Foto: Canaltech

Para reforçar os laços de comunidade, a rede social lançou um prêmio de US$ 10 milhões a serem distribuídos para mais de cem pessoas que criarem grupos que gerem interações significativas.

Ainda não está claro o que o Facebook espera por "interações significativas", mas essa é uma aposta em provocar engajamento na rede social.

No Facebook Communitties Summit, que acontece em Londres, a chefe de grupos e comunidade da rede, Jennifer Dulski, detalhou os planos da premiação.

As cinco pessoas que tiverem um histórico de criação de grupos de sucesso receberão US$ 1 milhão para financiar um projeto. Outros cem gerenciadores de grupos de destaque receberão até US$ 50 mil cada.

Impacto positivo

A disputa vale para usuários do Facebook de todo o mundo. Os vencedores serão indicados por um grupo de especialistas independentes e funcionários da rede social.

Em pronunciamento, Dulski disse: "Estamos à procura de comunidades que proporcionem significado às pessoas que estão nelas, estamos buscando iniciativas que gerem impacto positivo, e estamos à procura de comunidades que tenham componentes tanto on-line e off-line".

Aproximar o mundo

Mark Zuckerberg já havia aberta a porta para esse tipo de iniciativa, quando disse, em junho passado, que a nova missão da empresa era "aproximar o mundo".

Essa foi uma reação ao problema enfrentado com o compartilhamento de fake news, que acabou gerando também a mudança de algoritmo que reduz os posts jornalísticos.

Canaltech Canaltech

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade