PUBLICIDADE

Jornalista dos Estados Unidos morre durante conflito em Kiev

Segundo a publicação, o correspondente foi atingido em Irpin, região próxima à capital, durante um ataque russo

13 mar 2022 - 10h34
(atualizado às 12h20)
Ver comentários
Publicidade
Jornalista Brent Renaud, 51
Jornalista Brent Renaud, 51
Foto: Divulgação / University of Arkansas

Brent Renaud, repórter norte-americano de 51 anos, foi morto em uma zona de confronto em Kiev, capital da Ucrânia, onde tropas russas intensificam as hostilidades.

A informação deste domingo, 13, é do jornal The New Voice of Ukraine. Segundo a publicação, o jornalista foi atingido enquanto trabalhava em Irpin, região próxima a Kiev, durante um ataque russo. Outro correspondente também foi baleado e levado para um hospital da capital.

Imagens nas redes sociais mostram a credencial e o passaporte de Brent Renaud próximo ao suposto corpo do repórter, que apresenta um ferimento na região da cabeça.

Foto: The New Voice of Ukraine

Inicialmente, as informações eram de que o jornalista trabalhava para o The New York Times. A publicação se manifestou sobre o caso, lamentou a morte do repórter, e disse que Renaud atuou somente até 2015 para a empresa, e não foi enviado por eles para cobrir a guerra na Ucrânia. 

Ainda segundo o The New York Times, o crachá usado pelo jornalista - que ajudou a identificá-lo - é mesmo do jornal, porém foi concedida para Renaud em uma cobertura passada.

Lviv

Também neste domingo, um ataque aéreo da Rússia contra uma base militar em Yavoriv, na região de Lviv, perto da fronteira com a Polônia, abriu o 18º dia de guerra na Ucrânia. Segundo a agência Reuters, mais de 30 pessoas morreram e mais de 130 estão feridas em decorrência do ataque.

A cidade tem sido uma das principais rotas para refugiados que querem fugir da conflito com a Rússia.

 

Fonte: Redação Terra
Publicidade
Publicidade