PUBLICIDADE

Itália tem 2.407 casos e 44 mortes por Covid-19

Seis óbitos foram registrados em dias anteriores na Sicília

20 set 2021 12h44
| atualizado às 13h02
ver comentários
Publicidade

A Itália registrou mais 2.407 novos casos de Covid-19 e 44 mortes pela doença nas últimas 24 horas, informou o Ministério da Saúde nesta segunda-feira (20). Com isso, o país soma 4.638.516 contágios e 130.354 óbitos desde o início da crise sanitária.

Média móvel de casos voltou a cair nesta segunda-feira
Média móvel de casos voltou a cair nesta segunda-feira
Foto: ANSA / Ansa - Brasil

No entanto, a região da Sicília informou que seis mortes que foram notificadas nesta segunda ocorreram na última semana e foram adicionadas após uma revisão.

Os dados mostram que a quantidade de casos ativos - que descontam mortes e curas - voltou a apresentar queda (-1.022) após ter um número positivo neste domingo (19), que interrompeu uma sequência de 14 dias consecutivos de retração.

Ao todo, são 112.514 pessoas que lutam contra a Covid-19, sendo que a maioria, 108.009, estão em isolamento domiciliar. Outras 3.982 estão sob observação médica em hospitais e 523 estão em unidades de terapia intensiva (UTIs).

A média móvel dos últimos sete dias nas contaminações continua em queda, em 4.192, e a de óbitos está estável em 57 vítimas. Já os testes realizados somaram 122.441, cerca de 140 mil a menos do que no domingo. A taxa de positividade está em 1,9%.

Na última atualização do Ministério da Saúde sobre a campanha vacinal, ocorrida na madrugada desta segunda-feira, 82,4 milhões de doses de imunizantes foram aplicadas no país. Com isso, 44,2 milhões de pessoas já iniciaram a imunização e 40,9 milhões estão totalmente vacinadas, o que representa 75,9% da população-alvo (pessoas com mais de 12 anos).

Nesta segunda, o governo italiano começou a aplicar a terceira dose das fórmulas Moderna ou Pfizer/BioNTech nos imunossuprimidos. .
   

Ansa - Brasil   
Publicidade
Publicidade