0

Rússia critica sanções da UE e papel dos EUA na Ucrânia

A Rússia acredita que tais medidas irão atrapalhar no aspecto da segurança na Ucrânia

26 jul 2014
10h23
atualizado às 10h27
  • separator
  • comentários

A Rússia reagiu raivosamente neste sábado às sanções adicionais impostas pela União Europeia devido ao papel de Moscou na crise da Ucrânia, afirmando que elas vão prejudicar a cooperação em assuntos de segurança e minar o combate ao terrorismo e ao crime organizado.

A cidade ucraniana de  Konstantinovka, sendo ocupada por tropas da Ucrânia
A cidade ucraniana de Konstantinovka, sendo ocupada por tropas da Ucrânia
Foto: Gleb Garanich / Reuters

O Ministério das Relações Exteriores da Rússia também acusou os Estados Unidos, que já impuseram suas próprias sanções contra Moscou, de contribuir ao conflito na Ucrânia por meio de seu apoio ao governo pró-Ocidente em Kiev.

A UE chegou a acordo na sexta-feira para impor suas primeiras sanções econômicas à Rússia diante do seu comportamento na Ucrânia, mas diminuiu o escopo para excluir tecnologia do crucial setor de gás natural.

"A lista de sanções adicionais é evidência direta de que os países da UE traçaram um caminho para reduzir completamente a cooperação com a Rússia sobre questões de segurança internacional e regional", disse o ministério de Relações Exteriores da Rússia em comunicado.

"(Isso) inclui o combate à proliferação de armas de destruição em massa, terrorismo, crime organizado e outros novos desafios e perigos".

 

 

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade