PUBLICIDADE

Putin pretende trabalhar com FMI sobre ajuda à Ucrânia

O presidente disse que pretende trabalhar com países do ocidente usando o FMI como fonte de ajuda econômica à Ucrânia

4 mar 2014 13h29
| atualizado às 13h34
ver comentários
Publicidade
<p>O presidente russo Vladimir Putin afirmou nesta terça-feira que Moscou usará a força apenas como último recurso</p>
O presidente russo Vladimir Putin afirmou nesta terça-feira que Moscou usará a força apenas como último recurso
Foto: Reuters

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, disse nesta terça-feira que seu país pretende trabalhar com países do Ocidente usando o Fundo Monetário Internacional (FMI) como uma potencial fonte de ajuda econômica para a Ucrânia.

Putin disse que os países do Ocidente pediram à Rússia para segurar a liberação de mais parcelas de um pacote de resgate de US$ 15 bilhões que ele prometeu a Kiev em dezembro, depois que a Ucrânia rejeitou acordos com a União Europeia a favor de laços mais estreitos com a Rússia.

A Rússia começou o pacote comprando US$ 3 bilhões em eurobônus ucranianos, mas não levou adiante a segunda tranche quando manifestantes da oposição conseguiram tirar do poder o presidente Viktor Yanukovich.

"A princípio, nós estaríamos prontos para considerar os próximos passos para liberar mais tranches (...), mas nossos parceiros no Ocidente estão nos pedindo para não fazer isso", disse Putin em entrevista coletiva.

"Eles estão nos pedindo para trabalharmos juntos na estrutura do FMI para persuadir o governo da Ucrânia, as autoridades ucranianas, a conduzir reformas necessárias para revitalizar a economia", disse. "Nós pretendemos continuar trabalhando nesse canal."

&amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;lt;a data-cke-saved-href=&amp;amp;amp;amp;amp;amp;quot;http://noticias.terra.com.br/mundo/crise-na-ucrania/&amp;amp;amp;amp;amp;amp;quot; href=&amp;amp;amp;amp;amp;amp;quot;http://noticias.terra.com.br/mundo/crise-na-ucrania/&amp;amp;amp;amp;amp;amp;quot;&amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;gt;veja o infogr&amp;amp;amp;amp;amp;amp;aacute;fico&amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;lt;/a&amp;amp;amp;amp;amp;amp;amp;gt;
Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
Publicidade
Publicidade