0

Brasileiro surpreende ao andar com cães sem coleira nos EUA

Augusto de Oliveira é treinador e chama atenção ao caminhar com seus cachorros pelas ruas do estado de Massachusetts

8 jan 2015
12h01
atualizado às 15h03
  • separator
  • 0
  • comentários

Um brasileiro que vive cercado de cães da raça Partor Alemão no estado americano de Massachusetts costuma chamar atenção por onde passa, informou o Daily Mail. O motivo? Os cães de Augusto de Oliveira, de 23 anos, não usam coleiras e andam ordenadamente em grupo.

<p>Augusto de Oliveira caminha pelas ruas das cidades de Massachusetts com seus cães</p>
Augusto de Oliveira caminha pelas ruas das cidades de Massachusetts com seus cães
Foto: Daily Mail / Reprodução

O jovem vive hoje em Hyannis, mas cresceu rodeado por cachorros em uma fazenda no Brasil, onde descobriu que poderia conduzir vários desses animais caso os treinasse. Augusto vive, respira e até dorme com seus cachorros.

"Meus cachorros me veem como parte do grupo, eu passo muito tempo com eles. Eu os alimento, deixo eles dormirem no meu quarto, e faço exercícios com eles. Por causa da maneira como eu os treino, eles me veem como um líder. Em qualquer situação, eles olham para mim para saber o que fazer. Eles apenas seguem a minha linguagem corporal e os comandos que eu uso no treinamento".

Augusto chamou atenção na internet em 2013, quando postou um vídeo em que aparecia levando cinco cachorros sem coleiras para passear nas ruas de Hyannis. O jovem brasileiro garante ser capaz de conduzir até 15 cachorros sem coleiras ao mesmo tempo no canil onde vive e trabalha.

Em dezembro ele resolveu enfrentar o desafio em uma cidade maior, Boston. "É muito diferente para os cachorros porque eles não estão acostumados com tanto barulho e tantas distrações".

Ele explica como atua: "Eu começo a trabalhar usando coleiras para que eles possam se acostumar a caminhar e então vou removendo uma a uma gradualmente. Todos os cachorros têm de permanecer na mesma posição e não mudar a formação".

Muitos pedestres ficam suspresos com o fato de tantos cachorros andarem juntos pela cidade sem coleiras. "Eu tenho dois cachorros que se comportam muito mal e adoraria que eles se agissem como os cães de Augusto", contou a bostoniana Susan Wray Danowitz, que passou pelo grupo.

O brasileiro treina cães de todas as raças em seu canil, mas é especializado em Pastores Alemães. Muitas pessoas costumam enviar a ele cachorros ainda filhotes para que possam ser treinados antes de começarem a viver com seus novos donos.

"Em geral são pessoas que tem medo de não conseguir treinar o cachorro sozinhas ou que vivem em apartamentos pequenos e precisam que o cão seja obediente, mas em outros casos são pessoas que querem apenas se divertir com um cachorro já treinado".

Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade