0

Cinzas de vulcão do Havaí provocam alerta para aviação

16 mai 2018
09h48
atualizado às 10h43
  • separator
  • comentários

As explosões do vulcão Kilauea se intensificaram na terça-feira, e uma nuvem de cinzas desencadeou um alerta vermelho para a aviação pela primeira vez desde que a erupção mais recente começou 12 dias atrás.

Cinzas de erupção do vulcão Kilauea, no Havaí 15/05/2018 REUTERS/Terray Sylvester
Cinzas de erupção do vulcão Kilauea, no Havaí 15/05/2018 REUTERS/Terray Sylvester
Foto: Reuters

O chamado vog, fenômeno formado por cinzas e fumaça vulcânicas, alcançou uma altura de 3.657 metros acima da cratera do Kilauea e flutuou rumo ao sudoeste, cobrindo carros de poeira cinza na rodovia 11 e provocando um aviso de "ar insalubre" na comunidade de Pahala, localizada a 29 quilômetros do pico.

Um alerta vermelho para a aviação significa que uma erupção vulcânica está em andamento e que pode lançar cinzas ao longo de rotas aéreas, informa o Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS) em seu site.

As cinzas também representam um novo perigo para os moradores da maior ilha do Havaí, que já enfrentam gás vulcânico tóxico e lava que destruiu 37 casas e outras estruturas e forçou a retirada de cerca de 2 mil moradores.

Uma mudança nos ventos deve levar cinzas e vog ilha adentro nesta quarta-feira e torná-los mais concentrados, segundo John Bravender, da Agência Nacional Oceânica e Atmosférica dos EUA.

"Estamos observando uma emissão mais ou menos contínua de cinzas agora, com explosões ou colunas intermitentes e mais energéticas de cinzas", disse Steve Brantley, segundo cientista mais graduado a cargo do Observatório de Vulcões do Havaí (HVO, na sigla em inglês), em uma teleconferência com repórteres.

O observatório alertou que a erupção pode se tornar mais violenta.

"A qualquer momento a atividade pode ficar mais explosiva, aumentando a intensidade da produção de cinzas e produzindo projéteis balísticos perto da cratera", informou o HVO em um comunicado a respeito da mudança do alerta de aviação de laranja para vermelho.

As cinzas não são venenosas, mas irritam o nariz, os olhos e as vias respiratórias. Elas podem deixar as ruas escorregadias, e em grandes quantidades podem provocar panes nas linhas de transmissão de energia, disse David Damby, engenheiro químico do USGS.

A erupção afetou a indústria turística da ilha. As reservas de verão dos hotéis da Ilha Grande diminuíram quase pela metade em comparação com o ano passado, afirmou Rob Birch, diretor executivo do Escritório de Visitantes da Ilha do Havaí, a jornalistas em uma teleconferência.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade