0

Centenas de combatentes do EI desistem no leste da Síria

Combatentes do Estado Islâmico no enclave em Baghouz perto da fronteira iraquiana têm desistido em grande número nesta semana

6 mar 2019
16h26
atualizado às 16h40
  • separator
  • 0
  • comentários

Centenas de combatentes do Estado Islâmico se renderam na quarta-feira e centenas de outros jihadistas foram pegos tentando escapar do último pequeno pedaço de terra do grupo no leste da Síria, disse um comandante da milícia que estava cercando-o.

Combatentes do Estado Islâmico no enclave em Baghouz perto da fronteira iraquiana têm desistido em grande número nesta semana, após um ataque feroz no local no sábado e domingo. O número de jihadistas que permanecem no enclave é incerto.

Grande explosão é na região de Baghouz, na Síria
04/03/2019
YPG Press Office/via REUTERS
Grande explosão é na região de Baghouz, na Síria 04/03/2019 YPG Press Office/via REUTERS
Foto: Reuters

A milícia das Forças Democráticas Sírias (FDS), apoiada pelos Estados Unidos, diminuiu o seu ataque para permitir que milhares de civis deixassem Baghouz, continuando um êxodo que começou quando foi anunciada a batalha final pelo enclave no mês passado.

Um número muito maior de pessoas do que o imaginado estava em Baghouz, segundo a FDS, e a milícia queria que todos saíssem antes de invadir a área ou forçar a rendição do Estado Islâmico lá.

A queda de Baghouz marcaria o fim do domínio do autoproclamado "califado" do Estado Islâmico sobre um território povoado, embora alguns combatentes ainda estejam escondidos em um deserto remoto ou tenham ido para a clandestinidade para travar uma guerrilha de insurgência.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade