PUBLICIDADE

Guilherme Mazieiro

Após pesquisas negativas, Lula convoca ministros para reunião

Agenda foi marcada para segunda, 18; Ministro da Fazenda cancelou viagem que faria à Alemanha para participar do encontro

13 mar 2024 - 16h26
Compartilhar
Exibir comentários
Lula considera que juros ainda estão altos demais
Lula considera que juros ainda estão altos demais
Foto: WILTON JUNIOR / ESTADÃO / Estadão

O presidente Lula (PT) convocou os minstros para uma reunião na próxima segunda-feira, 18. O encontro foi marcado após uma sequência de pesquisas mostrarem queda da popularidade de Lula. Para o petista e assessores no Planalto, é preciso reverter a percepção da população e ressaltar indicadores econômicos como PIB, inflação e desemprego em queda.

Esta será a primeira reunião ministerial de Lula no ano de 2024. Em razão da agenda, o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, cancelou a ida à Alemanha. O titular da pasta apresentaria o Plano de Transformação Ecológica na 10ª Edição do “Diálogo de Transição Energética de Berlim - BETD 2024”, maior conferência de energia da Europa, em Berlim.

Na semana passada, três institutos divulgaram pesquisas indicando piora na avaliação positiva do governo. Os levantamentos da Quaest, Atlas/Intel e do Ipec (antigo Ibope) indicam que mais entrevistados "desaprovam" a gestão do petista, enquanto os índices dos que avaliam o governo como "ruim" ou "péssimo" têm subido.

Cada instituto adota metodologias distintas e entrevista um universo diferente de entrevistados, mas a tendência geral é a mesma nos três levantamentos.

Na sexta-feira, 8, Dia Internacional das Mulheres, Lula fez um ato público incomum. O mandatário levou minsitras e assessoras mulheres do governo para um almoço com samba no restaurante Tia Zélia, em Brasília. O local é reduto da esquerda e frequentado pelo presidente desde 2008. 

Giro pelo país e eleições

O presidente foca em agendas pelo país para ajudar na divulgação de projetos e programas do governo. Nesta quarta, 13, esteve na cidade de Serra do Salitre (MG) para inauguração de uma fábrica de fertilizantes. Na sexta, irá para Lajeado (RS) para a cerimônia de Novos Anúncios e Prestação de Contas do Governo Federal na reconstrução dos municípios gaúchos após as enchentes.

De olho nas eleições, o presidente também aproveita os eventos para ter mais inserção no interior do país e proximidade com o eleitorado.

Fonte: Guilherme Mazieiro Guilherme Mazieiro é repórter e cobre política em Brasília (DF). Já trabalhou nas redações de O Estado de S. Paulo, EPTV/Globo Campinas, UOL e The Intercept Brasil. Formado em jornalismo na Puc-Campinas, com especialização em Gestão Pública e Governo na Unicamp. As opiniões do colunista não representam a visão do Terra. 
Compartilhar
Publicidade
Publicidade