2 eventos ao vivo

Maluf faz mais de 250 mil votos sem saber se será deputado

Se conseguir garantir eleição na Justiça, votos deverão mudar bancada de São Paulo

6 out 2014
10h11
atualizado às 10h22
  • separator
  • comentários

O candidato a reeleição para a Câmara dos Deputados, Paulo Maluf (PP), foi um dos dez mais votados no Estado de São Paulo, apesar de aparecer com a votação zerada na apuração geral. Com a candidatura indeferida pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o parlamentar somou mais de 250 mil votos. 

O candidato á Deputado Federal pelo PP, Paulo Maluf durante votação no Antigo Colégio Sacré Couer, na Av. 9 de Julho, em São Paulo, SP, neste domingo, 5 de outubro
O candidato á Deputado Federal pelo PP, Paulo Maluf durante votação no Antigo Colégio Sacré Couer, na Av. 9 de Julho, em São Paulo, SP, neste domingo, 5 de outubro
Foto: Renato S. Cerqueira / Futura Press

Maluf foi barrado no TSE com base na lei da Ficha Limpa por ter sido condenado por improbidade administrativa pelo superfaturamento do túnel Ayrton Senna, quando era prefeito de São Paulo. O candidato recorreu ao próprio TSE e ainda pode tentar reverter a decisão no Supremo Tribunal Federal (STF).

Se os votos de Maluf fossem computados, ele ficaria à frente de Ricardo Tripoli, o oitavo colocado das eleições paulistas até 99,99% das urnas apuradas. O recurso de Maluf, se aceito, pode alterar toda a composição das bancadas, já que interferiria o coeficiente eleitoral, usado para calcular o número de cadeiras dos parlamentares. 

A votação de Maluf é superior à do mais votado de sua coligação, Baleia Rossi (PMDB), que havia recebido até 23h 208.352 votos.

 

Veja o cenário eleitoral nos 

estados Veja o cenário eleitoral nos estados

Guia do eleitor Guia do eleitor

Fonte: Terra

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade