5 eventos ao vivo

Resultado das eleições 2020: veja lista de prefeitos eleitos no 2º turno

Eleitores de 57 cidades foram às urnas neste domingo, 29. Dezoito capitais encerraram disputa pela Prefeitura

29 nov 2020
18h41
atualizado às 19h07
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Eleitores de 57 cidades foram às urnas neste domingo, 29, para definir o segundo turno das eleições municipais. Entre os municípios em disputa, 18 capitais definiram hoje quem assume novo mandato em 2021: São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Recife, Fortaleza, Goiânia, Belém, Vitória, São Luís, Teresina, Rio Branco, Porto Velho, Manaus, Maceió, João Pessoa, Boa Vista, Cuiabá e Aracaju.

Eleitores foram às urnas neste domingo para o segundo turno das eleições municipais de 2020
Eleitores foram às urnas neste domingo para o segundo turno das eleições municipais de 2020
Foto: Fabio Pozzebom/Agência Brasil / Estadão

O Estado de São Paulo é o que registra mais cidades que vão para a segunda etapa das eleições 2020. São quinze municípios: Bauru, Campinas, Diadema, Franca, Guarulhos, Limeira, Mauá, Mogi das Cruzes, Piracicaba, Praia Grande, Ribeirão Preto, São Vicente, Sorocaba, Taboão da Serra e Taubaté.

Devido ao apagão sofrido no Estado, o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Amapá decidiu na sexta-feira, 13, realizar os dois turnos das eleições municipais de Macapá nos dias 13 e 27 de dezembro. O novo calendário precisa ainda ser aprovado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Veja abaixo o resultado do segundo turno das eleições 2020

Belém

O candidato do PSOL Edmilson Rodrigues foi eleito prefeito de Belém neste domingo, 29. Trata-se da segunda vez em que uma capital do País é comandada por um prefeito do PSOL. Em 2012, Clécio Luis foi eleito pelo partido prefeito de Macapá.

Edmilson Rodrigues venceu o delegado Eguchi, do Patriota. Em campos opostos, os dois protagonizaram debates quentes na TV e chegaram ao segundo turno em empate técnico. Edmilson prega o diálogo aberto com todas as classes e fez uma campanha com ideais de esquerda.

João Pessoa

O candidato do PP à prefeitura de João Pessoa, Cicero Lucena, foi eleito com 53,16% dos votos válidos. Nilvan Ferreira (MDB) somou 46,84%.

Porto Alegre

Deputado estadual pelo Rio Grande do Sul , Sebastião Melo (MDB) venceu a eleição para a prefeitura de Porto Alegre neste segundo turno.

Com 97,79% das seções apuradas, Melo está matematicamente eleito com 54,6% dos votos válidos, contra 45,5% de sua oponente, Manuela D'Ávila(PC do B). A votação na capital gaúcha também teve um alto índice de abstenções, na casa de 32,8%.

Os dois fizeram uma campanha marcada por temas da cidade e pela discussão do racismo, especialmente após a morte de João Alberto Freitas em uma filial do supermercado Carrefour na cidade.

Recife

Em uma disputa acirrada, João Campos (PSB) venceu Marília Arraes (PT) na disputa de segundo turno para a Prefeitura de Recife. Com a vitória, João Campos torna-se o prefeito mais jovem de uma capital. Ele tem 27 anos. Os primos de segundo grau protagonizaram uma sequência de desentendimentos nas eleições de 2020.

Além da briga pelo poder local, estava em jogo uma demonstração de forças nacional entre duas legendas do campo da esquerda que preparam terreno para 2022: a aliança PSB-PDT e o PT - que teve o apoio do PSOL na capital pernambucana.

Rio de Janeiro

O ex-prefeito Eduardo Paes (DEM) voltará à prefeitura do Rio. Com 64% dos votos válidos até o momento - 88% das urnas apuradas -, ele derrotou o prefeito Marcelo Crivella (Republicanos), que tentava a reeleição com o apoio do presidente Jair Bolsonaro e ficou com apenas 36%. Paes ganhou em todas as zonas eleitorais da cidade.

Favorito desde o início da campanha, Paes conseguiu manter o favoritismo tanto no primeiro quanto no segundo turno, e em nenhum momento se viu ameaçado. Durante o primeiro, o ex-mandatário focou em falar de propostas e dizer que "o Rio vai voltar a dar certo", sempre comparando seus mandatos com o de Crivella, que é altamente rejeitado pela população.

São Luís

Eduardo Braide, candidato do Podemos, foi eleito prefeito de São Luís. Com 95,56% das urnas apuradas, o Braide tem 55,87% dos votos válidos. Duarte, do Republicanos, tem 44,13%.

Matéria em atualização

Veja também:

Previsão Brasil - Tempo instável em várias áreas do país
Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade