Enem digital espera atrair mais participantes no último dia

Após abstenção de 68% no dia 31, prova nacional testa conhecimentos de matemática e ciências da natureza

7 fev 2021
12h24
atualizado às 12h46
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O último dia de provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) digital será realizado neste domingo, 7, com a expectativa de atrair mais candidatos. Apenas 30 mil dos 93.079 inscritos - uma abstenção de 68% - compareceram à primeira parte da prova, realizada em 31 de janeiro, marcando o início de mudanças no exame nacional. O objetivo é tornar a prova 100% digital até 2026.

Estudantes chegam para realizar o Enem Digital no primeiro dia de provas em Brasília
Estudantes chegam para realizar o Enem Digital no primeiro dia de provas em Brasília
Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil / Estadão Conteúdo

Neste domingo, candidatos de 104 cidades fazem as provas de matemática e ciências da natureza. São cinco horas para resolver 90 questões. Os computadores só permitem acessar as provas. Os candidatos não podem consultar, por exemplo, internet ou calculadora.

Os portões abrem às 11h30 e fecham às 13h, no horário de Brasília. A prova deste domingo termina às 18h30. Assim como no primeiro dia, os participantes poderão levar caneta preta, que será utilizada para fazer os cálculos à mão na folha de rascunho. O Inep, órgão que organiza a prova, vai divulgar em seu site os cadernos de provas após o fim da aplicação, como ocorreu no primeiro dia do exame.

No domingo passado, quando foi aplicada em 1028 locais, a prova registrou problemas em vários deles. Em Belo Horizonte (MG), os candidatos tiveram de esperar duas horas pelo início da prova. No Tocantins, alunos foram mandados para casa por dificuldades técnicas. Candidatos relataram terem sido impedidos de realizar a prova por falhas no sistema no Amapá, Alagoas, Maranhão, Rio Grande do Sul e Distrito Federal. "Tivemos alguns problemas, mas todo processo inédito está sujeito a obstáculos", afirmou Alexandres Lopes, presidente do Inep.

A prova impressa do Enem, aplicada nos dias 17 e 24 de janeiro, também teve alto índice de abstenção. Cerca de 2,5 milhões de estudantes fizeram as provas, o que equivale a menos da metade dos inscritos. Lopes atribuiu a abstenção à pandemia do novo coronavírus e espera a participação de quem faltou sem justificativa no primeiro dia de provas para "viver a experiência do Enem digital".

Reaplicação

Candidatos que enfrentaram dificuldades na realização das provas digitais no dia 1º dia poderão pedir a reaplicação do exame nos dias 23 e 24 de fevereiro. Os pedidos podem ser feitos para uma data ou para a reaplicação dos dois dias. As solicitações devem ser feitas na Página do Participante entre os dias 8 e 12 de fevereiro. Nestas mesmas datas serão aplicadas as provas digitais e impressas no Amazonas, que suspendeu as provas em função do recrudescimento da pandemia, e em Macapá (AM), onde o local de prova foi interditado.

Veja também:

Os heróis que mantiveram a educação caminhando em 2020
Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade