Dez filmes para entender o que é ser professor

Histórias inspiradoras de docentes deram origem a diversas obras cinematográficas

6 jan 2015
12h15
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Todo mundo tem, teve ou terá um professor marcante na vida. Pode ser aquele desafiador, que pega no pé e estimula os alunos a se superarem. Ou o compreensivo, que senta do lado e não sai dali até que cada um entenda perfeitamente a matéria. Ou ainda aquele que escuta todos os problemas - de dentro e de fora da escola. Para que você conheça melhor essa profissão incrível, o Terra separou dez histórias de professores inspiradores - que vão do drama à comédia.

<p>Para que voc&ecirc; conhe&ccedil;a melhor essa profiss&atilde;o incr&iacute;vel, o&nbsp;<strong>Terra</strong>&nbsp;separou dez hist&oacute;rias de professores inspiradores</p>
Para que você conheça melhor essa profissão incrível, o Terra separou dez histórias de professores inspiradores
Foto: Reuters

1. Escritores da liberdade (2007)
Freedom Writers

Diretor: Richard LaGravenese

Neste filme, baseado em uma história real, Hillary Swank interpreta Erin Gruwell, que ao se tornar a professora de inglês de uma turma de adolescentes em situação de risco - entre eles alguns integrantes de gangues -, se destaca por não medir esforços para o aprendizado. Além do conteúdo, ela ganha a confiança da turma e ensina lições valiosas de respeito e tolerância ao propor que os alunos mantenham um diário para registrar suas experiências. Na vida real, os relatos dos adolescentes foram compilados em um livro, chamado The Freedom Writers Diary (Os diários dos escritores da liberdade), que foi publicado e se tornou um best-seller.

2. Escola de rock (2003)
School of rock

Diretor: Richard Linklater

Finn não é um professor convencional. Dewey Finn (Jack Black) é um músico falido, com as contas atrasadas e que foi demitido da própria banda. Ao assumir, indevidamente, o cargo de professor substituto em uma escola, ele decide formar uma banda com os alunos e acaba lhes mostrando o poder da música e do rock’n’roll - além de descobrir Zack, um prodígio da guitarra aos 10 anos de idade.

3. Primeiro da classe (2008)
First of the class

Diretor: Peter Werner

Brad Cohen, interpretado por James Wolk, é um professor com síndrome de Tourette - a doença faz a pessoa apresentar tiques físicos ou vocais. O rapaz enfrentou preconceitos durante toda a vida por causa da doença, mas decidiu realizar seu sonho de se tornar professor. Brad demora a ser aceito pelos alunos, que fazem piada da sua condição. Ainda assim, ele consegue superar e se tornar um ótimo professor, além de ensinar o mais importante: respeito às diferenças.

4. A corrente do bem (2000)
Pay it forward

Diretora: Mimi Leder

O professor Eugene Simonet deu uma tarefa ao aluno Trevor McKinney: faça um plano que mude o mundo através das suas ações. Trevor, com doze anos, levou a tarefa a sério. Bolou um plano no qual as pessoas fazem boas ações para outras três, e cada uma delas deve fazer três boas ações para outras três pessoas e assim por diante. O apoio do professor, interpretado por Kevin Spacey, foi imprescindível para criar essa “corrente do bem”.

5. Sociedade dos poetas mortos (1989)
Dead poets society

Diretor: Peter Weir

O filme que marcou uma geração também marcou a carreira do ator Robin Williams, falecido recentemente. Quem nunca ouviu a famosa frase “Oh captain, my captain!”? O professor Keating de Robin Williams fala de poesia e faz os alunos subirem nas mesas. Logo, se torna uma figura polêmica no tradicional internato Welton Academy, na Inglaterra dos anos 50.

6. O sorriso de Mona Lisa (2003)
Mona Lisa smile

Diretor: Mike Newell

A jovem professora Katherine Watson é contratada para ensinar história da arte na Wellesley College, uma escola exclusiva para meninas. É 1953 e a professora, interpretada por Julia Roberts, deixa para trás o namorado pelo novo emprego. Na escola, extremamente conservadora, ela começa a inspirar as alunas a buscar novos horizontes além das vidas que foram definidas para elas pela família e pela escola.

7. Ao mestre, com carinho (1967)
To sir, with love

Diretor: James Clavell

Nesse clássico dos anos 60, Sidney Poitier é Mark Thackeray, um engenheiro falido que começa a dar aulas numa escola londrina para sobreviver. Mesmo sem formação oficial, Thackeray aceita o desafio e leciona, apesar da resistência dos estudantes, tidos como violentos por outros professores. O filme foi um dos precursores no debate sobre o racismo nas escolas, e Poitier foi o primeiro negro a vencer o Oscar por um papel principal, em 1963.

8. O preço do desafio (1988)
Stand and deliver

Diretor: Ramón Menéndez

Fazer os alunos gostarem de matemática nem sempre é tarefa fácil, mas o professor Jaime A. Escalante conseguiu. Ao mostrar para os alunos como a matemática se relaciona na vida cotidiana e usando o humor, o professor conquistou o interesse e o carinho de todos. O plano do professor interpretado por Edward James Olmos é levantar o padrão dos alunos - e ele consegue, com dedicação e incentivo.

9. Coach Carter: treino para a vida (2005)
Coach Carter

Diretor: Thomas Carter

Não deixe se enganar: coach significa treinador em inglês, mas nesse caso, o Coach Carter também é um professor. Samuel L. Jackson dá vida ao técnico de basquete Ken Carter, que ao impor regras mais duras para os atletas do seu time de basquete do ensino médio, muda a vida dos alunos. Para ser do time dele, é necessário ter boas notas, seguir o código de vestimenta e respeitar um conjunto de atitudes listadas no contrato elaborado pelo professor. O método de ensino rígido trouxe bons resultados ao time e colocou os atletas em boas faculdades.

10. Mudança de hábito (1992)
Sister Act

Diretor: Emile Ardolino

A vencedora do Oscar Whoopi Goldberg é Delores Wilson, uma aspirante a cantora que, por ter presenciado um crime, entra no programa de proteção a testemunhas… em um convento! Lá, ela vira a Irmã Mary Clarence e rege o coral, que acaba conquistando a comunidade com a sua música. Ela pode não ser uma professora convencional ou de formação, mas é inegável que o ensino da música muda a vida de muita gente. O sucesso foi tanto que deu origem ao Mudança de hábito 2: Mais confusões no convento.

Veja também:

Em 'live' com alvos de ação do STF, Eduardo Bolsonaro cita 'momento de ruptura'
Cartola - Agência de Conteúdo - Especial para o Terra Cartola - Agência de Conteúdo - Especial para o Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade