PUBLICIDADE

Dólar cai 0,35% e bate R$ 4,95; corte de juros nos EUA é prevista para junho

O Ibovespa, maior índice do mercado brasileiro, após a divulgação do crescimento de 2,9% do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro, fechou em alta de 0,12%

1 mar 2024 - 20h48
Compartilhar
Exibir comentários

O dólar à vista fechou esta sexta-feira (1º) com queda de 0,35%, sendo cotado a R$ 4,95. Ao fim de mais uma semana, a moeda norte-americana acumulou 0,78% na perda de seu valor.

Mercado fecha para o Carnaval e só reabre quarta
Mercado fecha para o Carnaval e só reabre quarta
Foto: feira - Canva / Perfil Brasil

O Ibovespa, maior índice do mercado brasileiro, após a divulgação do crescimento de 2,9% do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro, fechou em alta de 0,12%. Entretanto, ao considerar-se a semana, houve um recuo de 0,18%.

A queda do dólar deu-se pelos dados do índice de gerentes de compras (PMI) do Instituto para Gestão da Oferta (ISM), que recuaram de 49,1 para 47,8 pontos, contrariando as expectativas de aumento.

O PIB estadunidense também foi afetado. De acordo com o Federal Reserve de Atlanta, a projeção de crescimento do índice abaixou de 3% para 2,1%. "A tendência é vermos o crescimento cada vez mais fraco nos Estados Unidos, porque os juros [altos] levam um tempo para afetar a economia", explicou Fabrizio Velloni, economista-chefe da Frente Corretora.

"Mas creio que o Fed só vá abrir espaço para um corte nas taxas quando tiver claro que isso está ocorrendo e que não haverá outro repique na inflação", completou. O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou que a economia brasileira avançou 2,9% no ano de 2023.

Perfil Brasil
Compartilhar
Publicidade
Publicidade