0

Ultramaratonista mulher vence prova de 48 horas de duração na Serra da Mantiqueira e quebra recorde masculino

Atleta Ana Luiza Faria Matos de 39 anos entra para o seleto grupo das 10 melhores corredoras do mundo

24 nov 2018
10h55
  • separator
  • comentários

As pontuações oficiais da Ultrarunner Eventos que comprovam o recorde batido pela ultramaratonista Ana Luiza Faria Matos na última prova de 48h de atletismo em Passa Quatro, Minas Gerais. Ana foi campeã geral da prova que foi realizada na pista de terra batida do Colégio São Miguel em Passa Quatro, Minas Gerais. Fechando a prova tendo percorrido 366 kms com 915 voltas de 400 metros, a atleta supera o recorde masculino mais recente que era de 352 km. A ultramaratonista que tem dedicação total ao esporte contou com um preparo que reuniu diversos profissionais da área da saúde como fisioterapeuta, coach, nutricionista e personal trainer além dos treinos realizados no bairro do Recreio dos Bandeirantes em locais paradisíacos como as praias da Reserva, Grumari, Parinha e também nas montanhas como nas trilhas do Mirante do Caete, da Pedra da Tartaruga e da Grota Funda. "Treino muito pelo Recreio por conta do percurso desafiador que tem lá", afirma a atleta. Tanta dedicação garantiu a ela um lugar no seleto grupo das 10 melhores corredoras do mundo.

Foto: DINO / DINO

Além da sua extrema dedicação, Ana Luiza também quis inovar e investiu na eletroestimulação como aliada para melhorar o desempenho em relação ao trabalho de resistência solicitado pela prova e também para prevenir lesões que podem ocorrer devido às longas horas da prova: "O trabalho com a eletroestimulação muscular, EMS entrou em minha preparação física em março e foi sensacional, estou impressionada." afirma ela. O estúdio de eletroestimulação escolhido foi a BODYPULSE que também é parceira da ultramaratonista.

Para Baracho, profissional de educação física da BODYPULSE, o treino feito com eletroestimulação não só garante um bom desempenho em poucos minutos como proporciona ganho de força, resistência, enrijecimento e redução de dores musculares. "O treinamento com a eletroestimulação muscular potencializa as contrações musculares com uma tecnologia que permite ativar 300 músculos do corpo sem causar compressão nas articulações, com exercícios feitos apenas com o peso do corpo o que diminui o risco de lesão muscular " explica Baracho.

Serviço:

Site: http://bodypulse.com.br/

Instagram: https://www.instagram.com/bodypulsebr/

Instagram da atleta: https://www.instagram.com/ultraanaluiza/



Website: http://bodypulse.com.br/
DINO Este é um conteúdo comercial divulgado pela empresa Dino e não é de responsabilidade do Terra

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade