10 eventos ao vivo

Mercado de SUVs: a nova aposta para 2021 apresenta resultados positivos

O mercado de SUVs obteve 24,6% de participação no mercado automobilístico brasileiro em 2020, de acordo com dados da Auto Informe.

23 fev 2021
17h23
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O mercado de SUVs obteve 24,6% de participação no mercado automobilístico brasileiro em 2020, de acordo com dados da Auto Informe. Com mais de 167,8 mil unidades comercializadas até junho do ano passado, a categoria alcançou o título de segundo maior segmento do mercado de automóveis, garantindo a imponência de um 4x4 com conforto de carro de passeio e a versatilidade de uma minivan pelo amplo espaço.

Foto: Divulgação - Peugeot / DINO

A categoria foi superada apenas pelos hatchs pequenos que, historicamente, são o segmento que mais vende. No ano de 2019, a categoria fechou com 26,3% de participação, apenas 1,7 pontos percentuais a mais que os SUVs.

Dados da Auto Informe creditam 2,9 pontos percentuais de participação total no mercado de carros em 2020, fazendo com que as marcas foquem nesse segmento para lançamentos que agradem os fãs dos 4x4 de passeio.

Neste sentido, a Peugeot, com 124 anos de mercado e experiência em varejo, investiu na nova tendência com o modelo Peugeot 2008. A nova geração do SUV francês é o escolhido na Auto Europa 2021, na Itália, e é um dos concorrentes ao Carro do Ano 2021.

O sonho do carro próprio

De acordo com o gerente de vendas da Peugeot Amazonas localizada em São Paulo capital, Paulo Pires, os brasileiros sonham com o carro próprio. "As pessoas com idade acima de 30 anseiam por um carro próprio, ainda mais quando um carro agrada dois grupos de pessoas. Uma média de 20% de pessoas preocupadas com o meio ambiente e 80% buscando economia financeira".

De acordo com o site da Peugeot, o Peugeot 2008 possui a potência de um 4x4 com o conforto de um carro para passeio, sendo um SUV com baixo consumo de combustível e baixo nível de emissão de CO2, se mostrando tanto um carro econômico, quanto um carro que ajuda na preservação da natureza devido à baixa poluição.

Potência combinada

Segundo Péricles Malheiro, do site Quatro Rodas, o motor THP mostrou muita eficiência na pista de testes. "Acelerando como se fosse um esportivo e consumindo pouco combustível". Com câmbio automático de 6 marchas, motor turbo THP Flex de 173 cv de potência e torque máximo 24,5 kgf.m (DIN), em apenas 1.400 rpm, garantindo, assim, o baixo consumo de combustível e a baixa emissão de gases poluentes, como o CO2.

Além disso, conta com o sistema Grip Control, que garante aderência das rodas em terrenos mais difíceis, oferecendo segurança e qualidade ao pilotar.

Visão panorâmica e qualidade sonora

Para os amantes de viagens e para quem gosta de dirigir dentro da cidade, o Peugeot 2008 oferece visão panorâmica para uma experiência muito mais agradável. A avaliação do site Quatro Rodas integra o teto panorâmico como uma boa alternativa para iluminação dentro do veículo e requinte do automóvel.

A parceria da Peugeot com a JBL trouxe o melhor para o Peugeot 2008. O carro vem equipado com dois tweeters, 4 alto falantes, amplificador de áudio e subwoofer slim 100W.

De acordo com a Peugeot, o carro possui a alta performance do som JBL aliada ao motor mais potente da categoria.

Uma nova Peugeot

Segundo o site da Peugeot, quem não confiava na Peugeot antigamente, hoje confia 100% em seus serviços. "Mudamos bastante o atendimento ao cliente. Nessa pandemia, melhoramos o índice de atendimento ao cliente pela internet, oferecendo maior atenção nesses canais, como WhatsApp, videochamadas etc", explica o gerente da Peugeot Amazonas, Paulo Pires. 

A adesão ao sistema Peugeot Total Care recuperou a confiança dos clientes na metodologia: cliente não satisfeito com o serviço, não paga.

Há 12 meses a Peugeot não recebe nenhum recall com pedido de reembolso, de acordo com o próprio site da marca.

O gerente da Peugeot Amazonas em São Paulo, Paulo Pires, conclui: "a COVID afetou as vendas. Estávamos em um número de vendas crescente até março de 2020, após isso começou a cair, principalmente pelo fechamento das lojas, mas em 2021 vemos o comércio voltando a funcionar com os parâmetros estabelecidos pela OMS. A tentativa é normalizar o mercado em 2021 com o que começamos em 2019", explica.



Website: https://peugeot.grupoamazonas.com.br/

Veja também:

DINO Este é um conteúdo comercial divulgado pela empresa Dino e não é de responsabilidade do Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade