PUBLICIDADE

Ganhar dinheiro pela internet pode ser mais fácil do que muita gente imagina

Cresce a cada ano o número de empreendedores brasileiros, apesar das dificuldades iniciais. Entre as várias possibilidades de negócio, projetos que utilizam a internet acabam sendo uma solução mais simples e menos onerosa.

26 jan 2021 14h58
| atualizado às 15h02
ver comentários
Publicidade

Quem tem entre 18 e 64 anos faz parte da classificação internacional que define a população adulta (Adult Population Survey), segmento etário que vem sendo pesquisado em todo o mundo para medir as taxas de empreendedorismo de vários países.

Foto: DINO / DINO

Trata-se do GEM - Global Entrepreneurship Monitor, estudo socioeconômico realizado desde 1999 como projeto conjunto entre a Babson College, dos Estados Unidos, a London Business School, do Reino Unido, e a Korea Entrepreneurship Foundation, da Coreia do Sul.

Desde sua primeira edição, há duas décadas, o GEM é conduzido no Brasil pelo IBQP - Instituto Brasileiro da Qualidade e Produtividade com a parceria técnica do SEBRAE - Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas, que também financia o projeto.

A 20ª edição dessa pesquisa, publicada em 2019, aponta um relevante crescimento do empreendedorismo no Brasil, com taxa de 38,7%, a maior da série histórica, o que remete ao total de 53,5 milhões de brasileiros à frente de alguma atividade empreendedora.

A metodologia do estudo classifica três tipos de empreendimento: nascentes, novos e estabelecidos, considerando um pequeno espaço de tempo de atividade do negócio.

Outros estudos apontam o empreendedorismo digital como uma realidade internacional, com números crescentes de novos empresários criando páginas na internet e estruturas de negócios alicerçadas no e-commerce, tanto de produtos físicos quanto de infoprodutos.

"A quantidade maior ou menor de pessoas que a cada ano decidem empreender depende do estímulo que cada país proporciona, considerando a burocracia e os incentivos por parte dos organismos oficiais e, naturalmente, as perspectivas do mercado", opina Edmundo Roveri, CEO do IBVD - Instituto Brasileiro de Vendas Diretas, criador da comunidade Empreenda com Liberdade e autor de sete livros sobre empreendedorismo.

Para Roveri, desde que a pessoa tenha um projeto, ganhar dinheiro pela internet pode ser bem mais simples do que ela imagina. Estudos internacionais que têm o empreendedorismo como tema apontam o mesmo caminho, isto é, constatam em suas pesquisas uma sequência de ações que levam novos empresários ao sucesso. Com um projeto estruturado, metodologia de ação bem definida, muita disciplina e foco nos objetivos eles vão rapidamente do ponto de partida à consolidação do negócio.

Em seu e-book "Como Ganhar Dinheiro com a Internet", Roveri apresenta o passo a passo aos novos empreendedores, começando pela definição do negócio, a construção da marca, o conhecimento do público, os gatilhos mentais a serem explorados na comunicação do produto, a automatização dos processos e os cuidados com a gestão.

O objetivo dessa publicação, segundo Roveri, é proporcionar ao empreendedor um manual, uma sequência das ações que ele precisa pôr em prática para que o seu projeto seja vitorioso. "Às vezes a pessoa tem uma excelente ideia, mas não sabe por onde começar. Minha intenção com esse livro é auxiliar novos empreendedores a dar os primeiros passos."

Entre os variados perfis de novos empresários há aqueles com grande talento para vender que têm dificuldade de escolher quais produtos oferecer ao mercado, outros que têm um projeto estruturado, mas se atrapalham na gestão das tarefas e outros mais detalhistas, que têm tudo muito bem planejado, mas não dispõem de recursos.

O mais comum entre todos eles é a dificuldade em dispor da tecnologia necessária para deslanchar o projeto. Para resolver essa questão, Roveri aconselha começar como afiliado de alguma empresa consolidada, que além de já dispor de clientes, geralmente oferece a infraestrutura para a realização do trabalho.

Nessa posição, não caberá ao empreendedor criar um produto ou serviço para vender nem a preocupação da entrega, não precisará dispor de capital nem investir em estrutura de mundo digital e ainda terá treinamento específico sobre o objeto da venda.

"Será exigido dele apenas o talento para realizar negócios. Mais adiante, porém, ele poderá reunir as condições necessárias para caminhar sozinho e então escreverá um novo capítulo da sua história", conclui Roveri.

Mais informações: https://bit.ly/Ebook-Ganhar-Dinheiro-Internet



Website: https://bit.ly/Ebook-Ganhar-Dinheiro-Internet

DINO Este é um conteúdo comercial divulgado pela empresa Dino e não é de responsabilidade do Terra
Publicidade
Publicidade