PUBLICIDADE

Ferramentas indispensáveis para quem quer apostar no "Faça você mesmo"

As ferramentas necessárias para construir os próprios móveis e objetos de decoração

2 mar 2021 15h01
| atualizado às 22h31
ver comentários
Publicidade

Em setembro de 2020, a Associação Brasileira de Artigos para Casa, Decoração, Presentes, Utilidades Domésticas, Festas e Flores (ABCasa) divulgou um balanço sobre o desempenho do setor de artigos para casa e decoração nos meses de junho e julho. Foi observado um aquecimento no varejo de artigos para casa e decoração, que cresceu 28,4% em junho em comparação ao mês de maio, totalizando R$ 4,6 bilhões em receita.

Foto: DINO / DINO

Com os vídeos tutoriais encontrados na internet ou na TV e a maior permanência em casa, nunca foi tão fácil se dedicar a atividades de "Faça você mesmo". Além de proporcionar economia, é uma atividade que pode ser aproveitada na sua própria companhia ou com toda a família. Para uma execução segura e de ótimo resultado, são necessárias ferramentas específicas e de qualidade. 

Para aqueles que gostam de se aventurar na marcenaria e construir os próprios móveis ou trabalhos mais elaborados, são necessários produtos para projetar, cortar, serrar, e aparafusar. Já para quem gosta de trabalhos mais delicados, o importante é ter à mão itens funcionais e que garantam precisão. O primeiro passo é escolher o projeto que será desenvolvido, definindo os materiais que serão usados e os processos para chegar ao resultado. Tendo isso organizado, pode-se dar início a execução da peça e a Tramontina tem sugestões para esse trabalho.

Para projetar

Na hora de se aventurar na marcenaria, a primeira tarefa é projetar o móvel. Para isso, é necessária uma escala métrica de madeira. O seu corpo rígido torna a obtenção de medidas mais precisas, garantindo que as peças tenham o encaixe exato. 

Tendo essas medidas definidas, é hora de desenhar as partes do móvel, e nessa etapa é importante que se tenha disponíveis ferramentas que garantam um desenho preciso e bem delineado. O esquadro de alumínio é uma ótima opção se o objetivo é praticidade, precisão e retidão. Ele é ideal para conferir ângulos de 90º e traçar linhas perpendiculares. Ter um bom jogo de lápis para marcenaria também é essencial, pois são especificamente desenvolvidos para efetuar marcações em todos os tipos de madeira, garantindo o melhor desenho para as peças.

Para cortar e serrar

Com as partes desenhadas, é hora de serrar e cortar. Dependendo do material com que se está trabalhando, diferentes tipos de serras e lâminas são indicadas. Projetado para serrar especificamente objetos em madeira, o serrote é a melhor opção nessas ocasiões. Já  o arco de serra ajustável traz diversas funcionalidades, pois pode ser utilizado no corte de plástico, cobre, alumínio e metais não endurecidos.

Para cortes mais delicados, duas ótimas opções são o mini arco de serra e o estilete. O primeiro é uma opção prática e fácil de guardar. Já o estilete é versátil, auxiliando nos cortes em papel, papelão, e até na hora de desencapar fios ou fazer acabamentos.

Para montar e instalar

Com as partes do projeto prontas, começa a montagem e, por fim, a instalação. Nessas etapas, é preciso ter um kit de parafusos com vários tamanhos e buchas de várias finalidades. É importante ter acessórios versáteis, que garantam uma fixação segura das diferentes partes dos móveis e também quando precisam ser pendurados em paredes. 

Para apertar e soltar esses parafusos, a parafusadeira é uma ótima escolha. Ela pode ser usada na hora de montar os móveis, instalar prateleiras e vários outros trabalhos. Além de ser uma ferramenta leve, funciona com bateria embutida, facilitando o seu manuseio. 

Outra opção é o kit de chaves de fenda com pontas intercambiáveis. Na hora de executar os projetos, fornece pontas para aparafusar e desaparafusar diferentes tipos de parafusos, e também é prático de guardar, pois ocupa pouco espaço. 

Na hora de trabalhar com materiais mais finos e delicados, como MDF e algumas peças de madeira, a fixação ou remoção de pregos pode ser feita com um martelo de unha. 

Para os detalhes

Com o projeto pronto e instalado, é hora de soltar a imaginação. Para trabalhos de decoração ou mais artesanais, são indicadas ferramentas mais delicadas. Em vez de pregos e parafusos, é possível usar a pistola elétrica de cola quente. Ela serve para colar diferentes partes em madeira ou MDF, assim como enfeites e adereços em bijuterias e peças de decoração, como almofadas, abajures, quadros, entre outros objetos. Outro toque especial são os detalhes em miçanga, que podem ser trabalhadas com a ajuda de um kit de alicates para bijuteria.   

Para guardar e organizar

Independente do tipo de trabalho que se faça em casa, é essencial que os materiais estejam guardados de forma organizada. As caixas organizadoras são uma solução prática, otimizando tempo e espaço. Para armazenar e transportar ferramentas, uma caixa plástica de ferramentas é a escolha certa. Para completar, as bandejas internas removíveis são um ótimo espaço para guardar acessórios menores. Com ela, é possível manter todos os seus materiais organizados e com fácil acesso. 

Já uma maleta com divisórias móveis, além de organizar as ferramentas e acessórias para que fiquem visualmente acessíveis, oferece mobilidade e praticidade, permitindo que se escolha os itens com os quais gostaria de trabalhar e os deixe mais à mão, fora da caixa.



Website: https://www.tramontinastore.com/ferramentas

DINO Este é um conteúdo comercial divulgado pela empresa Dino e não é de responsabilidade do Terra
Publicidade
Publicidade