PUBLICIDADE

Ao passar mais tempo em casa, brasileiros investem na decoração

Diante do isolamento social, o lar virou refúgio para estudos, trabalhos e lazer. Com a chegada das temperaturas mais frias, os tapetes são opção para decoração destes ambientes

13 mai 2021 12h54
ver comentários
Publicidade

Ficar tanto tempo dentro de casa, por conta da quarentena contra o coronavírus, ressignificou o modo como as pessoas enxergam o próprio lar. Com isso, o mercado de decoração foi afetado. De acordo com a ABComm, Associação Brasileira de Comércio Eletrônico, entre 1º de março e 28 de abril de 2020, o número de vendas online de móveis e itens de decoração cresceu 23,61% quando comparado ao mesmo período do ano anterior.

Foto: DINO / DINO

Sendo assim, players do setor sentiram o impacto. O marketplace MadeiraMadeira, especializado em itens de casa e decoração viu suas vendas crescerem 120% em 2020. A porcentagem triplicou o número de centros de distribuição, que somam 15 centrais atualmente. A Mobly, que também atua neste setor, obteve um crescimento de 57,6% em suas vendas em relação ao ano anterior.

Thiago Camargo, fundador da Click Conforto, atribui o crescimento do mercado de decoração à busca pelo bem-estar e conforto, com base em uma pesquisa interna da marca. "Agora que a casa de cada um se tornou local de estudo, trabalho e lazer, detalhes que passavam, antes, despercebidos, fazem a diferença", diz. 

Diferenciais na decoração

No ano de 2020 as tendências de compras mudaram. Agora, o digital é o local favorito para adquirir novos objetos de desejo. De acordo com dados disponibilizados pela Compre & Confie, somente no mês de maio do ano passado o e-commerce já havia crescido 98% em relação ao mesmo período de 2019. O faturamento foi de R$ 9,4 bilhões.

Entre as categorias que mais se destacaram com crescimento, estava "Cama, Mesa e Banho", com crescimento de 165,9%. No Mercado Livre, de acordo com dados internos da plataforma, itens para a casa também aparecem na lista dos mais vendidos: acessórios de iluminação cresceram 52%, enquanto eletrodomésticos e acessórios aumentaram as vendas em 45%. 

"Com os dados expostos, pode-se entender que houve uma mudança nas aquisições durante o decorrer da pandemia. Se antes a preocupação era com a vida externa, agora, o lar pede por atenção", diz Thiago. E é pensando na chegada do frio que a Click Conforto investiu em um item que pode tornar ambientes mais aconchegantes: o tapete.

"Um tapete não só faz a diferença na decoração, como também traz mais conforto para um cômodo", declara. Ainda assim, é preciso ter atenção a alguns detalhes para escolher uma peça com qualidade. "É importante ficar atento à altura do pelo. Geralmente, um bom tapete contém pelos com 4 cm de altura. Quanto mais alto, mais confortável", explica. Por fim, Thiago acentua a importância de os tapetes peludos serem antialérgicos e antiderrapantes, para garantir segurança aos moradores. "Com esses cuidados, é possível escolher uma peça de qualidade e, ao mesmo tempo, evitar desconfortos, reformulando ambientes sem causar exposições a alergias e pequenos acidentes, por exemplo", finaliza. 

Para saber mais sobre a Click Conforto, basta acessar: www.clickconforto.com



Website: http://www.clickconforto.com

DINO Este é um conteúdo comercial divulgado pela empresa Dino e não é de responsabilidade do Terra
Publicidade
Publicidade