4 eventos ao vivo

Qualidade do ar: Poluentes aumentam em dias secos

Ar parado e a falta de chuva aumentam a concentração de poluentes como o ozônio

10 set 2020
12h56
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Você sabia que a qualidade do ar tende a piorar na região da Grande São Paulo quando a falta de chuva e o ar quase parado contribuem para o aumento da concentração de poluentes. Este cenário, pode acontecer na região metropolitana e também em todas as áreas do estado de São Paulo.

Além do aumento da poeira em suspensão, outro poluente que aumenta em dias secos, com ar parado é o ozônio. Este é um poluente que surge em dias ensolarados, sem nuvens. O excesso de ozônio no ar causa dor de cabeça e irritação nos olhos, entre outros transtornos.

A qualidade do ar é diretamente influenciada pela distribuição e intensidade das emissões de poluentes atmosféricos de origem veicular e industrial. Exercem papel fundamental a topografia e as condições meteorológicas, que se alteram de modo significativo nas várias regiões do Estado.

Foto: Climatempo
Foto de Marcelo Pinheiro - São Paulo, SP

As emissões veiculares desempenham um papel de destaque nos níveis de poluição do ar dos grandes centros urbanos, ao passo que as emissões industriais afetam significativamente a qualidade do ar em regiões mais específicas. Os resultados do monitoramento da qualidade do ar no Estado de São Paulo são apresentados por grupo de poluentes. A avaliação da qualidade do ar é efetuada considerando os padrões estaduais de qualidade do ar estabelecidos pelo Decreto Estadual nº 59.113, de 23/04/2013.

A CETESB possui 62 estações medidoras distribuídas na Região Metropolitana de São Paulo, no interior e litoral do Estado, além de estações móveis, que são utilizadas no monitoramento e em estudos sobre a qualidade do ar. Esta rede, ligada a uma central de computadores através do sistema de telemetria, registra ininterruptamente as concentrações dos poluentes na atmosfera.

Estes dados são processados com base nas médias estabelecidas por padrões legais e são disponibilizados de hora em hora na internet. Diariamente é divulgado na internet o Boletim de Qualidade do Ar, onde é apresentado um resumo das condições da poluição atmosférica das 24 horas anteriores a uma previsão meteorológica das condições de dispersão dos poluentes para as 24 horas seguintes.

Os principais poluentes encontrados nas grandes cidades, e que servem como indicadores da qualidade do ar são: material particulado (MP), dióxido de enxofre (SO2), monóxido de carbono (CO), ozônio (O3), óxidos de nitrogênio (NOx).

Em dias com baixa umidade do ar e alta concentração de poluentes, é comum ocorrerem complicações respiratórias devido ao ressecamento das mucosas, provocando sangramento pelo nariz, ressecamento da pele e irritação dos olhos. Então, fique sempre atento as informações no https://servicos.cetesb.sp.gov.br/qa/

Fonte: Cetesb

Veja também:

Previsão Brasil - Nova frente fria avança sobre o centro-sul do país
Climatempo
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade