3 eventos ao vivo

O que é solstício?

Este evento astronômico ocorre duas vezes por ano em cada hemisfério do planeta.

20 jun 2020
22h23
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Este evento astronômico ocorre duas vezes por ano em cada hemisfério do planeta.

O solstício é um momento, com dia, mês, hora e segundo muito bem determinados por cálculos astronômicos. Não é um período. Então, não é correto dizer "entramos no solstício". Você pode dizer passamos (com a ideia de um momento) pelo solstício de verão, ou solstício de inverno, e entramos (ideia de um período que vai se prolongar) no verão  ou no inverno, dependendo da época do ano e em qual hemisfério você estiver.

Em que época do ano ocorrem os solstícios?

No hemisfério que estiver iniciando o verão, o solstício de verão ocorre em dezembro. 

No hemisfério que estiver começando o início o inverno, o solstício de inverno ocorre no mês de junho.

Se imaginarmos o movimento aparente do Sol no horizonte, o solstício é o limite máximo do posicionamento do Sol, quando ele está na sua posição mais ao sul ou mais ao norte, dependendo da época do ano.

No solstício de verão, o Sol atinge seu limite máximo ao sul. No solstício de inverno, o Sol atinge seu limite máximo mais ao norte. Esse dia é o dia mais longo do ano, com o menor número de horas de noite, com sol abaixo da linha do horizonte. 

O hemisfério que está no verão, está mais voltado para  sol e recebe a maior densidade de raios solares. A imagem abaixo representa a situação no solstício de junho, início do inverno no Hemisfério Sul e início do verão no Hemisfério Norte.

Foto: Climatempo

Posição relativa do Sol e da Terra no solstício de junho

No ano de 2020, no Hemisfério Sul, o solstício de inverno ocorre em 20 de junho, às 18h44, pelo horário de Brasília. O solstício de verão ocorre no dia 21 de dezembro às 7h02, pelo horário de Brasília.

No Hemisfério Norte, o solstício de verão ocorre em 20 de junho, às 18h44, pelo horário de Brasília. O solstício de inverno ocorre no dia 21 de dezembro às 7h02, pelo horário de Brasília.

A palavra solstício

A palavra "solstício" vem do latim; é  formada pela junção do substantivo sol e do verbo sistere, no sentido de firmar-se, deter-se, permanecer (no mesmo lugar).

Desta forma, "solstício" pode ser entendido como "sol que se detém em um lugar" ou "o sol parado".

Astronomicamente o solstício é um momento específico, com data, hora, minuto e segundo previamente determinados, que dependem exclusivamente da posição relativa entre o Sol e a Terra.

O cálculo para saber o dia e o horário dos solstícios é feito pelos astrônomos e não pelos meteorologistas.

Dois solstícios por ano

Cada hemisfério do nosso planeta passa por dois solstícios em um ano.

O solstício de verão é o que chamamos de início do verão no calendário civil que usamos diariamente. O solstício de inverno é o que conhecemos como início do inverno. 

O solstício de verão e de inverno são datas com dia e horário determinados por cálculos feitos por astrônomos. 

Na mesma data, hora, minuto e segundo em que o Hemisfério Sul passa pelo solstício de inverno, o Hemisfério Norte passa pelo solstício de verão. Da mesma forma, no mesmo dia, hora, minuto e segundo que o Hemisfério Sul estiver passando pelo solstício de verão, o Hemisfério Norte estará passando pelo solstício de inverno.

Astronomia define a data das estações

A data e o horário do início e do fim das estações do ano é um cálculo feito pelos astrônomos e não pelos meteorologistas. Este cálculo leva em consideração o movimento de translação da Terra em torno do Sol. Pode-se saber a data e hora do início das estações com muitos anos de antecedência.

Os meteorologistas trabalham com as mudanças do tempo de um dia para o outro, de uma semana para outra, com as variações do clima de uma estação para outra. Porém, as mudanças meteorológicas não obedecem aos cálculos astronômicos. Nem sempre o frio mais intenso ocorre no auge do inverno e nem sempre o calor mais forte é no verão.

Por que ocorrem as estações do ano?

As estações do ano ocorrem por causa da inclinação do eixo central da Terra. Este eixo faz um ângulo de 23,5° em relação à linha do plano do sol.  

Foto: Climatempo

Os solstícios ocorrem em junho e em dezembro. Os equinócios ocorrem em março e em setembro.

Dias longos, noites curtas

É nos dias próximos ao solstício de verão que temos os dias mais longos do ano, com o maior número de horas de sol

Nos dias próximos ao solstício de inverno temos os dias mais curtos do ano, com o menor número de horas de sol

A quantidade de horas de sol é chamada de insolação

A diferença entre o tamanho do dia e da noite ao longo do ano é muito nítida no centro-sul do Brasil, mas pouco perceptível nos estados do Norte e do Nordeste. 

O número de horas de sol depende da latitude, que é a distância em relação à Linha do Equador terrestre.

No dia do solstício de verão, quanto mais longe da linha do Equador, maior o número de horas de sol, maior é a duração do dia. No solstício de inverno é o contrário: quanto mais longe do Equador Terrestre, menor o número de horas de sol.

Veja também:

Previsão Brasil - Ar frio influencia parte do centro-sul do país
Climatempo
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade