PUBLICIDADE

Climatempo

Luz natural é jeitinho para economizar energia durante crise

Dicas simples podem ajudar a baixar sua conta de eletricidade. Para quem vai reformar, planejar iluminação gera muita economia no longo prazo.

14 set 2021 - 11h18
Compartilhar
Exibir comentários

 Foto: Iluminação natural: formas simples de economizar energia elétrica (isTock)

A conta de luz está cara e deve encarecer ainda mais nos próximos meses devido à estiagem que afeta as hidrelétricas da maior parte do Brasil.

A luz natural, gratuita, é a maior aliada do orçamento doméstico neste momento.

Separamos algumas dicas para quem quer deixar as lâmpadas desligadas por mais tempo sem ficar no escuro - ideias úteis  principalmente se você vai construir ou reformar. 

Cores claras

Paredes brancas ou com cores claras favorecem a iluminação natural e combinam com qualquer tipo de decoração. Por terem menos pigmentos, as tintas claras são também as tintas mais baratas e mais fáceis de retocar no caso de manchas e perfurações. 

Janelão

Muitas vezes, o dinheiro acaba antes da obra, e itens como as esquadrias acabam ficando com o menor orçamento possível. As janelas mais baratas são as menores e normalmente têm partes fixas que impedem uma maior entrada de luz e ventilação. A economia no momento da compra pode ser anulada por um gasto mensal maior com luz acesa durante o dia e maior uso de ar condicionado e ventilador. Para quem está construindo ou reformando, vale a pena investir em janelas grandes, com vidros transparentes e que abram por completo, sem partes fixas. 

Portas de vidro

Portas de vidro e duplas, como as portas-balcão, também são uma ótima opção para ter mais luz natural e ventilação em casa. 

Vidros limpos

Janelas e portas de vidro empoeiradas barram a luz natural, por isso, mantenha os vidros limpos para deixar a luz apagada por mais tempo. 

Espelhos

Ao refletir a luz do ambiente, os espelhos são um truque para deixar os espaços maiores e mais iluminados. Procure deixar os espelhos posicionados em frente às janelas e portas de vidro, ampliando ainda mais seu efeito. 

Pé direito alto

A altura do chão ao teto, o chamado pé direito, é proporcional a quantidade de luz e ar que entra no ambiente. Tetos baixos ajudam a abafar os cômodos, aumentam a umidade e limitam a luminosidade natural. Para quem vai construir, alguns centímetros a mais de parede podem gerar muita qualidade de vida e economia de eletricidade. 

 

Lâmpada de garrafa pet

Ideal para garagens, porões e depósitos ou qualquer ambiente coberto diretamente por telhas. Criada pelo mecânico mineiro Alfredo Moser, a invenção é sucesso em países em desenvolvimento da África e da Ásia. Ela consiste de uma garrafa plástica transparente cheia de água. A parte posicionada para fora do telhado capta a luz, que é refletida pela água na parte de dentro do cômodo, gerando uma luz razoável - e melhor, de graça. A Embrapa explica aqui como fazer esta lâmpada sustentável. 

Foto: Climatempo
Climatempo
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade