PUBLICIDADE

EUA adquirem 20% dos Cafés do BR exportados para 119 países

Total de café brasileiro vendido ao exterior atingiu 33,27 milhões de sacas

19 nov 2021 14h33
ver comentários
Publicidade

No período de janeiro a outubro deste ano de 2021, os Cafés do Brasil foram exportados para 119 países, cujas vendas totalizaram um volume físico equivalente a 33,27 milhões de sacas de 60kg e receita cambial de US$ 4,81 bilhões.

Tal performance, a despeito de ser bastante expressiva neste momento peculiar de pandemia em nível mundial, representa queda de 6,3% do volume vendido ao exterior. Em contrapartida, denota acréscimo de 7% na arrecadação da receita, no comparativo com o desempenho das exportações da cafeicultura nos mesmos dez primeiros meses do ano anterior.

Neste contexto, um ranking dos cinco maiores importadores dos Cafés do Brasil aponta que os Estados Unidos têm-se mantido tradicionalmente como principal país importador, por ter adquirido 6,46 milhões de sacas, volume praticamente similar às 6,48 milhões de sacas compradas nos dez primeiros meses do ano anterior. Com esse volume, as compras norte-americanas corresponderam a 19,4% do que foi exportado aos 119 países no período em tela.

Na sequência, a Alemanha, que importou 5,47 milhões de sacas dos Cafés do Brasil, teve seu volume de importação equivalente a 16,5%, no período ora em destaque, apesar de registrar uma queda de 8,2% do número de sacas adquiridas, na comparação com o mesmo período anterior.

Na terceira colocação, destaca-se a Itália, com a compra de 2,38 milhões de sacas, cujo volume físico representa uma queda de 7,7%; Bélgica, em quarto, com 2,27 milhões (-22,6%); e Japão, em quinto, com a aquisição de 2,074 milhões de sacas, volume que registrou um acréscimo expressivo de 12,5% na compra dos cafés brasileiros nos períodos comparados.

Conforme demonstrado pelo Conselho dos Exportadores de Café do Brasil (Cecafé) no seu relatório mensal de exportações, de outubro de 2021, no qual está se baseando esta análise e divulgação do Observatório do Café, do Consórcio Pesquisa Café coordenado pela Embrapa Café, o café da espécie arábica foi o mais exportado, nos dez primeiros meses de 2021, com a venda do equivalente a 26,77 milhões de sacas, as quais corresponderam a 80,5% do total.

E, adicionalmente, tal Relatório também informa que o café canéfora (robusta e conilon) teve 3,25 milhões de sacas embarcadas, o que representou 9,8% do total exportado no período, além dos segmentos do produto na forma de café solúvel, com 3,21 milhões de sacas (9,7%), e café torrado e torrado e moído, com 37.540 sacas (0,1%).

Como planejar uma safra e monitorar sua fazenda?

Otimizar o plantio, ficar de olho no Clima para avançar com os trabalhos no campo e observar o desenvolvimento da cultura para evitar perdas são algumas das decisões que você produtor rural precisa tomar durante a safra. 

O Agroclima Pro é um serviço de tecnologia da Climatempo que utiliza o conhecimento meteorológico. Com ele você pode acessar o histórico de dados de Clima para sua fazenda e pode detectar áreas com menor vigor vegetativo. Além disso, você fica sabendo como será a demanda hídrica da sua lavoura nos próximos 15 dias e ainda consegue identificar os melhores dias e horários para realizar as pulverizações. 

Faça parte da maior comunidade AGRO! O canal oficial da Climatempo no Telegram fornece conteúdos diários e exclusivos sobre o Clima e previsão para a agricultura. Quero fazer parte! 

Climatempo
Publicidade
Publicidade