1 evento ao vivo

"Quem precisa ficar isolado é ele", diz Lula sobre Bolsonaro

Petista deu entrevista coletiva para "mídia alternativa" e criticou o atual presidente

1 abr 2020
16h23
atualizado às 16h27
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva concedeu, na tarde desta quarta-feira (01), uma entrevista coletiva para o que definiu como "membros da mídia alternativa". Durante a conversa, que foi exibida ao vivo nas redes sociais o petitsa, ele criticou a maneira com que o governo Bolsonaro está lidando com a pandemia do coronavírus no País e a preocupação excessiva da base governista com as consequências econômicas da doença.

Ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva
02/03/2020
REUTERS/Charles Platiau
Ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva 02/03/2020 REUTERS/Charles Platiau
Foto: Reuters

"As únicas medidas concretas que o governo fez foram para os banqueiros. Enquanto isso o povo espera chegar os R$ 600 que eles agora estão prometendo pra 16 de abril", disse Lula, ao lembrar que o repasse aprovado pelo Congresso ainda não foi pago pelo governo. "O Bolsonaro só está preocupado em manter os fanáticos dele. Ele não está preocupado em orientar o povo. A Câmara e o Senado vão ter que intervir cada vez mais", continuou o petista, que ainda elogiou o trabalho do governador João Doria, membro do PSDB, partido que rivalizou com o PT nas últimas décadas.

"A gente tem que reconhecer que quem tá fazendo o trabalho mais sério nessa crise são os governadores e os prefeitos", admitiu. "Eu estou convencido de que o Bolsonaro, ou ele muda, ou ele não tem condição de continuar", disse Lula, ao ser perguntado sobre a possibilidade de impechment do presidente da República. "Todos os líderes do mundo já entenderam a gravidade da situação, menos o Bolsonaro. Ou esse cidadão renuncia ou se faz o impeachment dele com base nos crimes de responsabilidade que ele já cometeu."

O petista ainda provocou Bolsonaro: "Seria muito mais fácil resolver essa situação se o Bolsonaro não se sentisse dono do Brasil e entendesse que ele é apenas um administrador. Todo mundo quer colaborar: especialistas, médicos, governadores, prefeitos Todo mundo quer salvar a vida do seu povo", explicou."O povo precisa ficar em casa pra se proteger inclusive do Bolsonaro. E se tem alguém que precisa ficar isolado é ele", finalizou Lula.

 

Veja também:

Em 'live' com alvos de ação do STF, Eduardo Bolsonaro cita 'momento de ruptura'
Fonte: Equipe portal
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade