PUBLICIDADE

Política

Pastor que pediu para 'Deus arrebentar mandíbula de Lula' diz ter se arrependido de 'bolsonarização'

Em vídeo publicado nas redes sociais, Anderson Silva compartilha arrependimentos

2 mar 2024 - 18h38
(atualizado às 18h39)
Compartilhar
Exibir comentários
Foto: Reprodução/Instagram/@pastorandersonsilvaorg

O pastor Anderson Silva afirmou ter se arrependido da ‘bolsanarização’ em seu ministério, na igreja Vivo por Ti. No ano passado, o religioso pediu para que Deus “arrebentasse a mandíbula” do presidente Luiz Inácio Lula da Silva em live com o deputado federal Nikolas Ferreira (PL-MG). 

A declaração de arrependimento foi dada nesta quinta-feira, 29, em vídeo publicado em suas redes sociais. 

“Eu quero me arrepender da bolsonarização do meu ministério. Eu alertei sobre isso e preguei sobre isso. Eu sou bolsonarista, mas não sou bolsominion [...] se a gente esquerdizar ou bolsonarizar, a gente estará perdendo o Evangelho e, mesmo fazendo esse alerta, perdi gente. Eu não posso ser um pastor bolsonarista, eu sou um pastor”, afirmou.

Além disso, ele acrescentou ser um “desrespeito a Jesus ter um pastor de direita ou de esquerda porque a função de um pastor é estabelecer o reino de Deus na terra”, se considerando como “um dos responsáveis por essa bolsonarização”.

Veja o vídeo na íntegra:

Fonte: Redação Terra
Compartilhar
Publicidade
Publicidade