1 evento ao vivo

Flávio Bolsonaro registra BO contra Ivan Valente

O boletim foi feito na 5ª Delegacia de Polícia Civil de Brasília (DF) pelo filho do presidente Jair Bolsonaro

6 abr 2021
21h00
atualizado às 21h03
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ), registrou, no final da tarde desta quinta-feira, 5, boletim de ocorrência por denunciação caluniosa contra o deputado Ivan Valente (PSOL-SP). O boletim foi feito na 5ª Delegacia de Polícia Civil de Brasília (DF) pelo filho do presidente Jair Bolsonaro.

Senador Flávio Bolsonaro durante cerimônia no Palácio do Planalto
17/12/2020 REUTERS/Ueslei Marcelino
Senador Flávio Bolsonaro durante cerimônia no Palácio do Planalto 17/12/2020 REUTERS/Ueslei Marcelino
Foto: Reuters

No texto, o senador aponta que o Ministério Público do DF instaurou investigação preliminar para apurar a compra da mansão de cerca de R$ 6 milhões só "por provocação e requerimento" de Ivan Valente. "A vítima (Flávio) informa que tem absoluta convicção de estar sofrendo novamente o crime de denunciação caluniosa", informa o boletim divulgado pela assessoria do senador.

No documento, Flávio Bolsonaro relata que Ivan Valente e outros parlamentares do PSOL e de partidos de esquerda adotaram um "modus operandi" contra a família do senador, inclusive seu pai, o presidente Jair Bolsonaro. "É uma prática constante com o único objetivo de tentar incriminá-los de forma fraudulenta via o uso do aparato estatal e ao mesmo tempo produzirem um tsunami midiático permanente em desfavor da família Bolsonaro em verdadeira perseguição política obsessiva", relata.

Flávio Bolsonaro cita também outra suposta denunciação caluniosa que seria praticada por Ivan Valente contra o irmão mais novo, Jair Renan Bolsonaro, em outra representação, "por fatos que não existem". Procurado pelo Broadcast Político, o deputado ainda não se pronunciou.

Veja também:

Alexandre Kalil: falta para o presidente Bolsonaro dizer que 'errou'
Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade