PUBLICIDADE

Campinas tem ônibus mais caro a partir desta segunda-feira

Passagem de ônibus urbano na cidade do interior passa de R$ 4,55 para R$ 5,15

2 jan 2022 16h43
ver comentários
Publicidade

As pessoas que vão utilizar os ônibus urbanos em Campinas (SP) vão ter que desembolsar mais dinheiro a partir desta segunda-feira, 3. Serão cobrados R$ 5,15 de cada passageiro. A tarifa anterior era de R$ 4,55. 
O reajuste no preço das passagens aconteceu no último dia 30 de dezembro pela prefeitura local.

Ônibus vão custar mais caro em Campinas Divulgação/Prefeitura de Campinas
Ônibus vão custar mais caro em Campinas Divulgação/Prefeitura de Campinas
Foto: Divulgação / Prefeitura de Campinas

O valor da tarifa na cidade estava congelado há dois anos e meio e a administração pública diz que o aumento se justifica por conta da inflação e da alta nos preços dos insumos.

A prefeitura campineira afirma que, para minimizar o impacto para os usuários, definiu o reajuste abaixo da inflação acumulada desde o último aumento. O percentual médio foi de 13,16%, enquanto a inflação de julho de 2019 a novembro de 2021 foi de 16,52%.

Para quem comprou os créditos do sistema até o último dia de 2021, os valores praticados serão os antigos e eles são válidos por um ano porque o sistema segue a tarifa vigente na data da compra.

Como ficam as novas tarifas em Campinas:

Bilhete Único Comum: passa de R$ 4,55 para R$ 5,15

Vale Transporte: passa de R$ 4,95 para R$ 5,60

Bilhete Único Escolar: passa de R$ 1,82 para R$ 2,06

Bilhete Único Universitário: passa de R$ 2,28 para R$ 2,58

Segunda integração: passa de R$ 0,40 para R$ 0,45

Linha Circular/Centro: passa de R$ 3,30 para R$ 3,73

Outras cidades

A partir de domingo, 2, em Guarulhos, a tarifa passou de R$ 4,45 para R$ 4,90 no Bilhete Único; e de R$ 4,70 para R$ 5 em dinheiro. A prefeitura destaca em seu site, que as passagens permaneceram congeladas nos últimos três anos.

Também hoje, em São Bernardo, a passagem era R$ 4,75 e agora vai custar R$ 5,10. O mesmo vale para Diadema, que teve  reajuste de R$ 4,65 para R$ 5,10 no pagamento em dinheiro, mas pelo Cartão Sou+Diadema ficará mantida em R$ 4,25.

Além de Campinas, em Francisco Morato, na Grande São Paulo, o valor passará de R$ 4,60 para R$ 4,90 nesta segunda-feira, 3.

Na cidade de Mauá, o valor pago na catraca passará de R$ 5,30 para R$ 6. No caso da tarifa social, o pagamento em espécie será de R$ 5 e, para quem tem o cartão SIM, R$ 4,20. Diferentemente das demais cidades, os demais valores só começam em 29 de janeiro.

Em São Paulo, o reajuste ainda não foi definido. O valor atual, de R$ 4,40, será mantido até a definição do Senado Federal sobre a votação do projeto de lei que prevê custeio do governo federal para a gratuidade de idosos.

Fonte: Equipe portal
Publicidade
Publicidade