2 eventos ao vivo

Brasil volta a superar mil mortes no dia e mais 50 mil casos

País registrou mais de 1 mil vítimas e 50 mil infecções em 24h

14 ago 2020
18h37
atualizado às 20h42
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

A pandemia do novo coronavírus Sars-CoV-2 provocou a morte de mais 1.060 pessoas em todo o território brasileiro no período de 24 horas, elevando o número total de vítimas para 106.523, segundo levantamento feito pelo Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) nesta sexta-feira (14).

Foto: Ueslei Marcelino / Reuters

De acordo com o balanço, o Brasil contabiliza 3.275.520 casos da covid-19 desde o registro do primeiro contágio. De ontem para hoje, foram diagnosticadas mais 50.644 infecções.

A taxa de letalidade é de 3,3%, enquanto a de mortalidade está em 50,7 pessoas por cada 100 mil habitantes.

O consórcio de imprensa formado por Estadão, G1, O Globo, Extra, Folha e UOL levantou, junto às secretarias estaduais de Saúde, 1.007 mortes e 49.274 casos nas últimas 24 horas. Ao todo, os veículos de imprensa registraram 106.571 mortes e 3.278.895 infecções pelo novo coronavírus.

Os estados com mais casos do vírus são: São Paulo (686.122), Bahia (210.993), Ceará (196.144), Rio de Janeiro (189.891) e Pará (175.608). Já em relação ao números de vítimas, a lista é liderada por São Paulo (26.613), seguido de Rio de Janeiro (14.507), Ceará (8.123), Pernambuco (7.111) e Pará (5.924).

O país continua sendo o segundo mais afetado pelo novo coronavírus em todo o mundo no que diz respeito aos números absolutos, atrás apenas dos Estados Unidos, que têm mais de 5,2 milhões de infectados e 168 mil falecimentos, conforme dados da Universidade Johns Hopkins.

Veja também:

Com seis atletas com Covid-19, Flamengo tem prova de fogo na Liberta em jogo no Equador
Ansa - Brasil    Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade