PUBLICIDADE

Titi Müller: entenda o que é slow violence, agressão sofrida pela apresentadora

Ex-marido da apresentadora foi denunciado por violência psicológica

1 abr 2023 - 11h02
(atualizado às 13h51)
Compartilhar
Exibir comentários
Titi Müller: entenda o que é slow violence, agressão sofrida pela apresentadora -
Titi Müller: entenda o que é slow violence, agressão sofrida pela apresentadora -
Foto: Divulgação/Multishow / Famosos e Celebridades

No início do mês de março, o Ministério Público de São Paulo (MP-SP) denunciou o ex-marido da apresentadora Titi Müller, Tomás Bertoni, por violência psicológica. Na época, a agressão foi categorizada como "slow violence".

O termo, que significa "violência lenta", em inglês, foi criado pelo ambientalista e estudioso literário Rob Nixon para descrever casos de violência que ocorrem "gradualmente e fora de vista". 

Em situações como a vivida pela ex-apresentadora da MTV, a agressão acontece de forma lenta e a longo prazo, gerando danos emocionais à vítima. Por ser bastante sutil, a vítima acaba não interpretando como violência no momento em que ocorre. 

Na época, a denúncia feita pelo MP-SP, que também inclui uma indenização por danos morais, categorizou o crime praticado por Tomás Bertoni nas modalidades de "humilhação" e "ridicularização". Nesses casos, o agressor faz insultos e críticas à vítima com o objetivo de fazê-la se sentir inferior. 

Medo impediu denúncia

Vale destacar que desde setembro de 2022 Titi Müller está sob uma liminar que a proíbe de falar sobre o ex-marido nas redes sociais. O caso foi revelado por ela em fevereiro, numa entrevista ao videocast "Desculpa Alguma Coisa", da escritora Tati Bernardi, no UOL. "Tem uma liminar que meu ex-marido pediu, para que eu não citasse ele — e pessoas da família dele — em rede social sob multa. Isso é absolutamente inconstitucional. Enfim, eu estou aí sob mordaça", afirmou Titi. 

Titi Müller é mãe de Benjamin, de 3 anos, fruto da relação com o músico Tomás Bertoni. Eles foram casados por dois anos e se separaram em 2021. Em nota divulgada no Instagram, ela afirmou ter sofrido violências físicas e psicológicas do ex-marido, inclusive, durante a gravidez. Também disse que preferiu não denunciá-lo na época por medo do caso se tornar público e piorar a situação.

O outro lado

A defesa de Tomás Bertoni, no entanto, nega que o músico tenha praticado qualquer tipo de violência contra a ex-esposa. De acordo com ela, as testemunhas indicadas pela apresentadora não confirmaram ter presenciado conduta violenta. Também alega que o crime de violência psicológica, apontado pelo MP-SP, tem natureza material. Ou seja, a acusação depende de reconhecimento de laudo pericial. 

Ainda de acordo com os advogados, Tomás aguardará a análise da denúncia e tomará as medidas jurídicas cabíveis. Por fim, destacaram que ele se preocupa em preservar o filho de qualquer exposição.

Alto Astral, parceiro de Famosos e Celebridades pela Astral Digital, publicou essa matéria originalmente.

Famosos e Celebridades
Compartilhar
Publicidade
Publicidade