PUBLICIDADE

Terra transmite segunda edição do maior encontro de mulheres CEOs da América Latina

Mais de 40 mulheres presidentes de empresa e alta liderança executiva do Brasil e da América Latina estarão no palco do Women On Top

11 jun 2022 21h11
| atualizado em 14/6/2022 às 14h14
ver comentários
Publicidade
A jornalista Lia Rizzo, o publicitário Cristiano Diniz e a jornalista e apresentadora Ana Paula Padrão
A jornalista Lia Rizzo, o publicitário Cristiano Diniz e a jornalista e apresentadora Ana Paula Padrão
Foto: Samuca Kim

Na próxima quarta-feira, 15, o Terra transmite, das 10h às 16h30, o principal encontro de alta liderança executiva feminina realizado no país. Idealizado e organizado pelas jornalistas Ana Paula Padrão e Lia Rizzo e pelo publicitário Cristiano Diniz, o evento chega neste ano à sua segunda edição, em formato híbrido, com participações presenciais das executivas e transmissão em tempo real pelo portal e nas redes sociais de Terra.

A programação mesclará speeches individuais daquelas que ocupam a presidência de suas empresas, entrevistas e painéis de debates, que promovem conversas mais profundas sobre questões latentes ao cenário da participação das mulheres nas agendas corporativas. Neste ano, sob o macro tema Causas & Negócios, serão contemplados temas como os esforços as práticas de ESG como premissa para o desenvolvimento da diversidade, a forma como a inclusão vem sendo tratada após a crise provocada pela pandemia, os resultados e desafios da mentoria e a predominância do comando feminino a frente das marcas de beleza de luxo no país. 

Apresentadora do evento e fundadora do grupo Tempo de Mulher, que reúne a maior parte das mulheres em cargos de CLevel no Brasil, Ana Paula Padrão lembra: "O que o Women On Top oferece não é um palco de autocongratulações. Queremos sim que as líderes comuniquem o melhor de suas rotinas, mas também que encontrem outras mulheres que enfrentam os mesmos desafios". 

Igualdade para não perder talentos

Insatisfação, esgotamento profissional, falta de incentivos que as façam não apenas entrar no mercado, mas continuar a jornada por ascensão. Este foi o saldo dos últimos anos para a força de trabalho corporativa feminina, conforme apontou o levantamento Women@Work, realizado recentemente pela Deloitte, com 5 mil mulheres de 10 países.

O estudo concluiu ainda, que organizações líderes em igualdade de gênero têm acertado, mas o cenário ainda é preocupante, sobretudo no Brasil: neste recorte, cerca de 20% das entrevistadas afirmaram estar em empresas com cultura pouco ou nada inclusiva. Um paradoxo aos dados que mostram que aquelas que trabalham diretamente com líderes em igualdade de gênero relatam níveis muito mais altos de bem-estar, satisfação e confiança no trabalho. 

Curadora do lineup e co-fundadora do grupo Tempo Mulher, Lia Rizzo comenta: "Seguimos vivenciando as consequências pós epidêmicas, que cobraram um preço mais alto para mulheres. Muitas se viram obrigadas a escolher deixar a carreira corporativa ou desistir de tentar ascender"

O papel do Fórum, neste sentido, é assegurar um ambiente em que as executivas que carregam mais essa responsabilidade, possam inspirar umas às outras e a audiência. "Portanto, mais que um encontro, este é um chamado para reverter este quadro", completa Lia. 

Entre os nomes confirmados, estão Andrea Cruz, presidente da Whirlpool Brasil, Marília Rocca, CEO do Grupo Hinode, Daniele Botaro, head de diversidade e inclusão da Oracle na América Latina, Flavia Schlesinger, vice-presidente de finanças da Pepsico, Joana Adissi, General Manager de Vacinas da Sanofi, Bárbara Fortes, general manager do Grupo Estée Lauder, Patricia Frossard, country manager da Philips no Brasil, Paula Lindenberg, presidente da Diageo, Viviane Elias Moreira, CPIO da 99 Jobs, Teresa Vernaglia, CEO da BRK Ambiental e Tânia Cosentino, presidente da Microsoft no país. 

Acessibilidade de conteúdo e participações especiais

Neste ano, a edição amplia a representatividade e o compromisso com a inclusão trazendo para o palco as executivas Gabriela Augusto, mulher trans fundadora da Transcendemos, especializada em projetos focados em empregabilidade trans, e Raquel Virgínia, conhecida pelo trabalho como vocalista da banda As Baías, que há alguns anos fundou a NHAÍ, startup focada em criar conexões entre marcas e protagonismo trans. E todo o conteúdo terá tradução e interpretação em libras, em tempo real. 

"O compromisso que buscamos fortalecer, por meio das conversas e participações dessas mulheres, é o nosso próprio compromisso: levar reflexões profundas que alcancem e possam beneficiar o maior número de pessoas possível", explica Lia Rizzo. "E precisamos trocar entre nós criando ambientes favoráveis para novos negócios e temos que nos encontrar em momentos de vulnerabilidade. Nosso fórum é isso, um lugar onde podemos ser nós mesmas e perceber a mesma verdade em todas", acrescenta Ana Paula Padrão.

O encontro conta ainda com participações especiais das executivas Carolina Ignarra, CEO da Talento Incluir, e Gal Barradas, partner e COO da Spark, e da jornalista Adriana Ferreira, também escritora e palestrante especializada em jornalismo interseccional e temas ligados à moda, literatura e comportamento femininos. Serão elas as mediadoras de três dos painéis da programação.

O Women On Top é uma realização da Tempo de Mulher e Cris Diniz Eventos, com parceria de transmissão e cobertura do Terra. O evento tem patrocínio das empresas Oracle, Pepsico, Whirlpool, Safra, Ambev, American Express, BRK Ambiental, Coca-Cola Brasil, Grupo Hinode, Sanofi, United Airlines e apoio de LIVO Eyewear, MAC, LAFORT, Souvie e Scarf Me. Será transmitido ao vivo, pelo portal Terra, das 10h às 16h30, diretamente da Casa Petra, em São Paulo.

A programação completa pode ser vista aqui, onde também pode ser feita a inscrição para assistir ao evento de forma virtual, gratuitamente.

Fonte: Redação Terra
Publicidade
Publicidade